3 eventos ao vivo
Logo do Náutico
Foto: Divulgação

Náutico

Luverdense atropela Náutico em despedida da Série B

25 nov 2017
19h43
  • separator
  • comentários

Sem pretensões, Luverdense e Náutico se enfrentaram no Estádio Passos das Emas apenas para se despedir da Série B. As duas equipes foram rebaixadas, mas proporcionaram um jogo disputado e intenso. Jogando em casa, o time de Lucas do Rio Verde não tomou conhecimento do lanterna e venceu por 3 a 0 com autoridade, tomando conta das principais ações do duelo.

O grande nome do jogo foi Douglas Baggio, responsável por abrir e fechar o placar. Quem também deixou seu gol na última partida da Série B foi Paulinho, em cobrança de falta. Para efeito de tabela a partida já não significou mais nada. O Luverdense caiu na 17ª posição e o Náutico viveu seu calvário, encerrando no último lugar.

O JOGO

Atuando em casa, a estratégia utilizada pela equipe do Luverdense foi pressionar o Náutico logo nos primeiros minutos do jogo. Nos pés de Douglas Baggio aconteciam os principais lances ofensivos do mandante, que criou boas chances aos cinco e seis minutos. Primeiro, o meia pegou bem de fora da área e obrigou intervenção do goleiro Bruno, que espalmou para escanteio. Na cobrança do tiro de canto, Paulinho testou firme para a meta e a bola passou perto.

Diante da pressão sufocante do início, a alternativa do Timbu foi tentar por meio das ligações diretas. A alternativa acabou não saindo como deveria e aos oito minutos o Luverdense chegou ao primeiro gol. Moacir conseguiu um passe em profundidade para Alfredo. O atacante levou pela linha de fundo e apenas rolou para a chegada de Douglas Baggio, que marcou seu primeiro tento na Série B.

Com a inferioridade no placar, o jogo ganhou novos contornos táticos e o Náutico se mostrou mais decisivo na opção de deixar a bola com o adversário e tentar aproveitar os erros em busca do empate. Na primeira chance criada Gerônimo conseguiu avançar e tocou para David, que obrigou boa defesa de Diogo Silva.

Sem sofrer defensivamente, o Luverdense não cessou na busca pelo segundo gol. Aos 34 minutos, Rafael Silva conseguiu se livrar da marcação, cruzou para área e, depois do desviou, Alfredo tentou uma bicicleta dentro da pequena área. A bola saiu raspando a trave. Quatro minutos depois Douglas Baggio quase ampliou e marcou seu segundo gol, mas o toque na saída do goleiro foi pela rede do lado de fora.

A tônica do segundo tempo foi um exemplo do que os dois times desempenharam durante a Série B. As duas equipes abusaram dos erros, mas ainda assim conseguiram criar chances de gol. Logo aos três minutos o goleiro Bruno foi obrigado a aparecer novamente para evitar o segundo gol do Luverdense. O mandante seguia com superioridade no jogo e as poucas chances do Náutico eram desperdiçadas.

Sem reação, o Timbu se tornou mero espectador do segundo tempo e sofreu muita pressão a partir dos 20 minutos. Primeiro, Bruno foi essencial para evitar o gol do Luverdense depois de um verdadeiro bombardeio. Primeiro o arqueiro defendeu o chute de Eduardo. No rebote, Douglas Baggio fez o arremate no gol aberto, mas Henrique Ávila apareceu para impedir o segundo gol.

De tanto pressionar o Luverdense aumentou a vantagem. Aos 25 minutos Paulinho marcou na cobrança de falta. No lance seguinte, o próprio lateral perdeu uma chance sozinho. Três minutos depois, Douglas Baggio se sagrou como o grande jogador do duelo e fez mais um, aproveitando o rebote do arqueiro.

FICHA TÉCNICA

LUVERDENSE x NÁUTICO

Local: Estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde (MT)

Data: Sábado, 25 de novembro de 2017

Horário: 17h30 (de Brasília)

Árbitro: Renan Roberto de Souza (PB)

Assistentes: Luis Filipe Gonçalves Correa (PB) e Marcio Freire Lopes - PB

CARTÕES AMARELOS: 

LUVERDENSE: Douglas Baggio, Guly

NÁUTICO: Jobson

GOLS:

LUVERDENSE: Douglas Baggio, aos oito minutos do 1T e aos 35 do 2T; Paulinho, aos 25 minutos do 2T

LUVERDENSE: Diogo Silva (Gabriel Leite); Aderlan, Neguete, Guly e Paulinho, Kazu, Moacir, Alaor Júnior, Douglas Baggio; Alfredo (Eduardo) e Rafael Silva (Cléo Silva).

Técnico: Júnior Rocha

NÁUTICO: Bruno; David, Rafael Ribeiro (Cal Rodrigues), Léo Carioca e Manoel (William Schuster); Amaral, Renan Paulino e Jobson; Leilson, Henrique Ávila e Gerônimo (Joazi).

Técnico: Levi-Gomes

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade