1 evento ao vivo

Na prorrogação, Pato bate o Sorocaba e garante vaga na final da LNF

25 nov 2018
15h00
  • separator
  • comentários

Após o empate pelo placar de 3 a 3 no jogo de ida, neste domingo o Pato recebeu o Sorocaba no Ginásio Municipal Dolivar Lavarda, no Paraná, em partida válida pela semifinal da Liga Nacional de Futsal. E que partida. Alucinante do começo ao fim, o time da casa abriu 2 a 0 e acabou cedendo o empate, que levou o confronto para a prorrogação. No tempo extra, igualmente emociante e disputado, quem levou a melhor foi a Pato por 3 a 1, garantindo a vaga inédita na grande decisão.

Com o resultado, XXXX garante vaga na grande final, e agora terá pela frente o Atlântico Erechim, que no sábado, se classificou ao bater o Marechal Rondon por 2 a 1.

O Pato contava com o bom resultado conquistado fora de casa e com a força da torcida que lotou o ginásio no Paraná, e a motivação da equipe mandante pôde ser observada desde o início da partida. Logo aos dois minutos, Well, que foi o destaque da equipe na partida de ida, voltou a mostrar poder de decisão, e abriu o placar para o time de Pato Branco.

Depois do gol, o jogo ficou um pouco mais quente, com muitas faltas cometidas, e aos oito minutos, o camisa sete do time da casa, Neguinho, recebeu cartão amarelo. No entanto, três minutos depois, Well apareceu novamente para marcar o segundo e deixar a situação dos mandantes um pouco mais confortável.

Well parecia estar mesmo inspirado. Logo no primeiro minuto da segunda etapa, o camisa 8 soltou uma bomba, e parou na boa defesa do goleiro Tiago. No lance seguinte, após cruzamento, novamente o arqueiro levou a melhor sobre o artilheiro da partida. Após as duas intervenções de Tiago, no entanto, o Sorocaba cresceu na partida, e conseguiu aumentar o volume de jogo.

Aos sete minutos, foi a vez do goleiro Djony trabalhar e segurar duas bombas seguidas. Logo na sequência, o Sorocaba, já utilizando o goleiro-linha, ficou muito perto de diminuir, mas carimbou a trave esquerda duas vezes no mesmo lance. Quatro minutos depois, enfim a pressão sorocabana se transformou em gol. Após cruzamento rasteiro, Marcel apenas completou para o fundo das redes.

Após o gol marcado, o Sorocaba se viu mais vivo do que nunca na partida e foi para cima em busca do gol de empate. O tempo passava e a equipe jogava contra o relógio para pelo menos conseguir forçar uma prorrogação. E a persistência foi premiada. Para desespero da torcida, aos 18 minutos, Marcel apareceu de novo e marcou o segundo tento dele e o do time visitante, que deixou tudo igual no Paraná.

O clima esquentou após o empate e Neguinho recebeu o cartão vermelho, deixando o Pato com um jogador a menos no minuto final da partida. No entanto, ninguém conseguiu marcar o gol da vitória no tempo regulamentar e o jogo foi para a prorrogação.

O primeiro tempo da prorrogação foi equilibrado, com boas chances para ambos os lados. Mesmo com a vantagem do empate para os time da casa, quem se deu melhor foi o próprio Pato. Com quase quatro minutos de jogo, o goleiro Djony arriscou de longe e marcou o gol que colocou os anfitriões na frente do marcador.

E não deu nem tempo de respirar, já que na jogada seguinte, Ernandes soltou o pé de longa distância e anotou o segundo gol do Pato, deixando a equipe muito próxima da vaga na final.

A partida, porém, era alucinante e o Sorocaba não iria desistir tão fácil e no finalzinho do primeiro tempo, descontou com Éder Lima, seguindo vivo no duelo. A equipe visitante não desistiu até o fim e bem que tentou o gol de empate, mas quem chegou ao tento foi o adversário. Faltando segundos para o fim do duelo, Ernandes mandou de longe para sacramentar a classificação para a decisão da Liga Nacional de Futsal.

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
  • separator
  • comentários
publicidade