PUBLICIDADE

Zarco confirma cirurgia no braço após etapa de Misano: "Sofri em várias corridas"

Johann Zarco não está no auge da forma física e sofreu em diversas etapas recentes da MotoGP, despencando do campeonato e se afastando da briga pelo título. Por isso, vai passar por um procedimento cirúrgico após o GP de San Marino

16 set 2021 12h02
ver comentários
Publicidade
Johann Zarco se afastou da briga pelo título nas últimas corridas
Johann Zarco se afastou da briga pelo título nas últimas corridas
Foto: Divulgação/MotoGP / Grande Prêmio

Depois de resultados apagados nas últimas corridas, incluindo um 17º lugar no GP de Aragão, Johann Zarco confirmou que vai sair da etapa de Misano direto para a mesa de cirurgia e passar por um procedimento médico para tratar uma síndrome compartimental que o incomoda há algumas semanas.

Também conhecida como arm pump, a síndrome compartimental é resultado do aumento da pressão em uma determinada área do corpo, com a queda na perfusão sanguínea de músculos e órgãos. O problema é bastante frequente em pilotos de moto.

O problema já foi diagnosticado e tratado por outros pilotos da MotoGP nesta temporada. Jack Miller foi o primeiro a se queixar. Fabio Quartararo perdeu o GP da Espanha, em Jerez, por conta das dores no braço. Outro que sofreu foi Aleix Espargaró. Agora, é a vez de Zarco.

Johann Zarco ficou no fim do pelotão em Aragão (Foto: Divulgação/MotoGP)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

"Tive consultas na segunda-feira e na terça-feira. Planejei a cirurgia para a próxima semana e vou estar pronto para Austin. Estou feliz com todas as informações que consegui pegar e agora vamos ver o que acontece", disse o francês.

"Eu sofri em várias corridas, especialmente nas curvas para a direita, e é por isso que estive longe da boa forma. É por isso que tomei a decisão de fazer a cirurgia. Fiz exames e eles confirmaram [a síndrome compartimental]. Se eu não fizer [a cirurgia], pode realmente limitar minhas possibilidades", seguiu.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

O piloto da Pramac ainda não venceu na temporada 2021 da MotoGP, mas ocupa a quarta colocação, com 137 pontos conquistados. Fabio Quartararo, líder do certame, já chegou aos 214 tentos após 13 etapas. Faltam cinco corridas para o fim do calendário.

A MotoGP volta às pistas no próximo domingo (19) para o GP de San Marino e da Riviera de Rimini. O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do Mundial de Motovelocidade 2021.

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade