PUBLICIDADE

Zarco comanda trinca da Ducati na chuva de Misano. Quartararo é só 18º no treino 2

Com 1min42s097 na melhor de 20 voltas nesta tarde de sexta-feira (17) em San Marino, o francês da Pramac assegurou a liderança da MotoGP com 0s553 de margem para Francesco Bagnaia. Jack Miller fecha o top-3

17 set 2021 10h06
| atualizado às 10h21
ver comentários
Publicidade
Johann Zarco comandou trinca da Ducati
Johann Zarco comandou trinca da Ducati
Foto: AFP / Grande Prêmio

A Ducati reinou soberana no segundo treino livre para o GP de San Marino e da Riviera de Rimini nesta sexta-feira (17). Sob chuva, Johann Zarco firmou o passo nos minutos finais para garantir a liderança de um 1-2-3 da marca italiana em Misano.

Com 1min42s097 na melhor de 20 voltas, o titular da Pramac fechou a sessão com 0s553 de margem para Francesco Bagnaia, o segundo colocado. Jack Miller ficou com o terceiro posto.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Johann Zarco foi o mais rápido nesta tarde em Misano (Foto: AFP)

Joan Mir foi 0s813 mais lento que Johann e acabou em quarto, seguido por Marc Márquez, Miguel Oliveira, Danilo Petrucci e Aleix Espargaró. Iker Lecuona sofreu uma queda feia, mas acabou em nono, diante de Álex Márquez.

De volta após uma longa ausência, Franco Morbidelli foi a melhor Yamaha na sessão, com o 13º tempo. Valentino Rossi foi 16º, com Fabio Quartararo aparecendo só em 18º, 2s108 atrás de Zarco. Andrea Dovizioso, também retornando após meses de um período sabático, fez o 21º tempo.

Líder da manhã, Maverick Viñales não repetiu a mesma boa performance que exibiu com pista e ficou só em 17º. Ainda assim, o espanhol fecha o dia com a melhor marca em Misano no combinado das duas sessões.

A largada para o GP de San Marino e da Riviera de Rimini de MotoGP está marcada para as 9h (de Brasília) de domingo (19). O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do Mundial de Motovelocidade 2021.

Saiba como foi o segundo treino livre para o GP de San Marino e da Riviera de Rimini:

Depois de atrapalhar o terço final da atividade matutina em Misano, a chuva voltou a interferir na MotoGP, mas agora no treino da tarde. Após uma breve interrupção, a carga d'água voltou a cair pouco antes da segunda sessão, mas a temperatura seguia elevada. Quando o pit-lane foi liberado, os termômetros mediam 25°C, com o asfalto chegando a 31°C. A velocidade do vento era de 10 km/h.

Mesmo com as condições ruins, os pilotos foram entrando aos poucos na pista. Danilo Petrucci, Iker Lecuona, Brad Binder e Alex Rins, por exemplo, foram os primeiros a deixar os boxes, mas logo foram acompanhados por mais e mais colegas.

Lecuona, aliás, foi o primeiro a ocupar o topo da tabela, com 1min52s912, 1s325 melhor que Miguel Oliveira, o segundo. Francesco Bagnaia se colocou em terceiro, à frente de Rins, Joan Mir e Pol Espargaró.

Iker até conseguiu melhorar no giro seguinte, mas foi Oliveira quem assumiu a ponta ao cravar 1min48s472, 0s213 melhor que o piloto da Tech3.

Em uma tarde de condições difíceis, Valentino Rossi deu uma escapada da pista na curva 6, mas evitou a queda. Pouco depois, Enea Bastianini caiu na curva 1, mas não se machucou.

Lecuona, então, foi a 1min47s092 e recuperou a liderança, 0s785 melhor que Marc Márquez, que subiu para o segundo posto. Miguel Oliveira era o terceiro, diante de Álex Rins e Franco Morbidelli.

Márquez aproveitou o giro seguinte para chegar em 1min46s016 e saltar para a ponta, 0s237 melhor que o mais jovem dos pilotos da Tech3. Rins, Oliveira e Zarco vinham logo atrás.

Sem muita demora, Bagnaia anotou 1min46s136 e saltou para o segundo lugar, reduzindo para 0s120 a vantagem de Márquez na liderança. O domínio da Honda, contudo, foi breve, já que Lecuona e Oliveira avançaram para fazer um 1-2 da KTM. A situação, contudo, tampouco foi duradoura, já que Rins destinou-se ao segundo posto de imediato.

Com 1min44s814, Jack Miller subiu para a ponta da tabela, abrindo 0s460 de margem para o companheiro de Ducati. Marc e Iker responderam de imediato e subiram para segundo e terceiro, respectivamente, mas logo foram superados por Zarco, que se colocou a 0s053 do australiano.

Márquez foi mais rápido em segunda e voltou ao segundo posto, só 0s033 mais lento que Miller. Zarco ficou em terceiro, diante de Bagnaia, Lecuona, Oliveira, Pol Espargaró, Rins, Quartararo e Martín.

Johann assumiu a ponta ao registrar 1min43s462, mas mal teve tem pode de se acomodar e levou o troco de um Miller 0s276 mais veloz. O francês, contudo, respondeu de imediato e voltou ao comando com 0s104 de vantagem.

Antes de ir para os boxes, Valentino Rossi foi a 1min44s828 e pulou para a décima colocação. Instantes depois, a liderança do TL2 mudou de novo, com Miller retomando o comando.

Aleix Espargaró também conseguiu avançar e se colocou na quarta posição, 0s744 atrás de Jack. Líder da manhã, Maverick Viñales tinha o 14º tempo.

Com 12 minutos para o fim do TL2, Lecuona sofreu uma queda feia. O piloto da Tech3 foi violentamente ejetado na moto na saída da curva 1 e caiu forte contra o chão. O espanhol ficou alguns instantes agachado, mas acabou saindo sozinho da pista, ainda que mancando.

Iker Lecuona caiu feio durante o TL2 (Foto: Reprodução)

Mesmo sem quedas, quem vinha mal na sessão era Quartararo. O líder do Mundial tinha apenas a 18ª colocação, 2s490 pior do que Miller. A melhor Yamaha era a de Rossi, que era o 12º.

Quem vinha mais rápido era Danilo Petrucci, que subiu para a quinta colocação, 0s816 atrás de Jack. Mais atrás, Joan Mir se instalou em décimo.

Bagnaia foi a 1min43s001 e subiu para segundo, mas foi imediatamente superado por Zarco, que virou 0s008 melhor. Pecco, porém, conseguiu outro bom giro e, com 1min42s858, saltou para o comando, 0s027 melhor que Miller. Zarco era o terceiro, seguido por Petrucci e Aleix.

Zarco respondeu logo, superou Pecco por 0s194 e retomou o comando. O francês da Pramac, contudo, não parou por aí e chegou a 1min42s097 para assegurar 0s553 de folga na liderança.

MotoGP 2021, GP de San Marino, Misano, Treino Livre 2:

1 J ZARCO Pramac Ducati 1:42.097  
2 F BAGNAIA Ducati 1:42.650 +0.553
3 J MILLER Ducati 1:42.719 +0.622
4 J MIR Suzuki 1:42.910 +0.813
5 M MÁRQUEZ Honda 1:42.921 +0.824
6 M OLIVEIRA KTM 1:43.234 +1.137
7 D PETRUCCI Tech3 KTM 1:43.329 +1.232
8 A ESPARGARÓ Aprilia Gresini 1:43.629 +1.532
9 I LECUONA Tech3 KTM 1:43.722 +1.625
10 A MÁRQUEZ LCR Honda 1:43.739 +1.642
11 A RINS Suzuki 1:43.760 +1.663
12 M PIRRO Ducati 1:43.811 +1.714
13 F MORBIDELLI Yamaha 1:43.844 +1.747
14 E BASTIANINI Avintia Ducati 1:43.901 +1.804
15 J MARTÍN Pramac Ducati 1:43.906 +1.809
16 V ROSSI SRT Yamaha 1:44.130 +2.033
17 M VIÑALES Aprilia Gresini 1:44.203 +2.106
18 F QUARTARARO Yamaha 1:44.205 +2.108
19 P ESPARGARÓ Honda 1:44.266 +2.169
20 B BINDER KTM 1:44.404 +2.307
21 A DOVIZIOSO SRT Yamaha 1:44.530 +2.433
22 S BRADL Honda 1:44.713 +2.616
23 L MARINI Avintia VR46 Ducati 1:44.970 +2.873
24 T NAKAGAMI LCR Honda 1:44.992 +2.895
Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade