PUBLICIDADE

Viñales afasta crise e comanda com sobra treino 1 na Holanda. Quartararo é quarto

Em meio a uma crise com a Yamaha, o Top Gun mostrou força no primeiro treino em Assen e garantiu a liderança com 0s111 de margem para Pol Espargaró. Álex Rins completa o top-3

25 jun 2021 05h50
| atualizado às 06h11
ver comentários
Publicidade
Maverick Viñales colocou a Yamaha no topo da tabela nesta manhã
Maverick Viñales colocou a Yamaha no topo da tabela nesta manhã
Foto: Yamaha / Grande Prêmio

Copiar o companheiro de equipe parece ter dado resultado. Em meio a uma crise com a Yamaha, Maverick Viñales apareceu forte na manhã desta sexta-feira (25) e garantiu a liderança da primeira sessão de treinos da MotoGP para o GP da Holanda.

O piloto espanhol passou a maior parte dos 45 minutos de sessão no topo da tabela, mas assegurou o melhor tempo na penúltima das 23 voltas, quando cravou 1min33s072, 0s111 melhor que Pol Espargaró, que também planeja copiar Marc Márquez nos mínimos detalhes para ver se consegue um resultado melhor.

WEB STORIES

Maverick Viñales liderou a MotoGP nesta manhã
Maverick Viñales liderou a MotoGP nesta manhã
Foto: Yamaha / Grande Prêmio

Álex Rins foi 0s429 mais lento que Viñales e colocou a Suzuki na terceira colocação, à frente de Fabio Quartararo. Johann Zarco aparece para completar o top-5, já 0s254 mais lento que o conterrâneo que lidera o Mundial.

Danilo Petrucci foi a melhor KTM desta manhã e ficou em sexto, seguido por Aleix Espargaró e Takaaki Nakagami. Vindo de vitória na Alemanha, Marc Márquez fechou o treino em nono, 0s050 melhor que Lorenzo Savadori, que completa um top-10 coberto por 1s026.

Jack Miller, Francesco Bagnaia, Joan Mir, Miguel Oliveira e Valentino Rossi aparecem em seguida, formando o rol dos 15 mais rápidos.

A largada do GP da Holanda, nona etapa da MotoGP, está marcada para 9h (de Brasília) de domingo. Acompanhe a cobertura do GRANDE PRÊMIO sobre o Mundial de Motovelocidade.

Saiba como foi o treino livre 1 da MotoGP em Assen:

A penúltima etapa antes das férias da MotoGP começou com sol e pista seca. Pouco antes do início do TL1, a temperatura na província de Drenthe era de 18°C, com o asfalto chegando a 23°C. A umidade relativa do ar estava em 55%, com o vento soprando a 8 km/h.

Fabio Quartararo iniciou o primeiro treino do fim de semana no topo da tabela, à frente de Joan Mir e Miguel Oliveira. Na sequência, Takaaki Nakagami foi a 1min35s441 e assumiu a liderança, 0s085 melhor que Quartararo. Maverick Viñales subiu para terceiro, seguido por Danilo Petrucci.

Ainda no início da sessão, a curva 4 viu um incidente entre Viñales e Garrett Gerloff, que foi chamado pela Yamaha para substituir Franco Morbidelli na SRT, já que o ítalo-brasileiro terá de operar o joelho. Os dois tiveram um toque sem maiores consequências.

Enquanto isso, Pol Espargaró assumiu a ponta, mas Marc aproveitou a volta seguinte para formar em 1-2 da Honda, 0s026 melhor que o irmão de Aleix. Viñales, Quartararo e Nakagami formavam o top-5.

Fabio conseguiu tomar o comando, mas apenas brevemente, já que Pol foi 0s191 melhor para voltar a liderar. Viñales ficou em terceiro, diante de Aleix Espargaró e Marc Márquez.

Na nona volta nesta manhã, Viñales, que falou em copiar os passos do companheiro de Yamaha neste fim de semana após a decepção do GP da Alemanha, foi a 1min33s888 para tomar a liderança, 0s203 mais rápido do que o caçula dos Espargaró. No giro seguinte, o espanhol teve uma balançada na moto e não escondeu a irritação.

Enquanto os demais estavam nos boxes, Viñales seguiu rodando e conseguiu baixar para 1min33s442 para ampliar para 0s649 a margem em relação a Pol Espargaró. Mais atrás, Jack Miller saltou para sexto, 1s275 mais lento que o ponteiro.

Campeão vigente, Joan Mir também foi mais rápido e se instalou na sexta colocação, 0s907 atrás de Pol. Companheiro de Suzuki, Álex Rins também avançou e agora ocupava a nona posição.

Pol Espargaró voltou à pista para cravar 1min33s392 e retomar a liderança, 0s050 melhor que Maverick. Enquanto isso, Gerloff sofreu a primeira queda do fim de semana, mas escapou ileso.

Gerloff escapou ileso do acidente
Gerloff escapou ileso do acidente
Foto: Reprodução/MotoGP / Grande Prêmio

Danilo Petrucci foi mais um que conseguiu avançar. Com 1min34s206, o piloto da Tech3 subiu para a quarta colocação, 0s814 atrás do líder. Na sequência, Nakagami pulou para terceiro, à frente de Quartararo e do italiano.

Vivendo um momento de crise com a Yamaha, Viñales seguiu mostrando força. Com 1mn33s308, o espanhol retomou o comando, 0s084 à frente de Pol Espargaró.

Quem também conseguiu avançar na tabela foi Valentino Rossi. Com um pneu macio na dianteira e um médio na traseira, o novo cidadão honorário de Assen assumiu a oitava colocação, 1s251 atrás de Viñales. Logo em seguida, o italiano foi superado por um Miller 0s073 mais rápido.

Já na reta final da sessão, Lorenzo Savadori, com um par de macios, foi a 1min34s098 e assumiu o quinto posto, 0s790 atrás de Maverick. Logo em seguida, Petrucci passou o italiano da Aprilia, sendo seguido por Nakagami.

Também com pneus macios, Álex Rins anotou 1min33s501 e subiu para terceiro, 0s193 mais lento que Viñales. O líder, porém, melhorou para 1min33s072, ampliando a margem no topo da folha de tempos.

Já com a bandeira quadriculada tremulando em Assen, Aleix Espargaró saltou para a sexta colocação, com Miller subindo para décimo e Johann Zarco tomando o sexto posto.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

MotoGP 2021, GP da Holanda, Assen, Treino livre 1:

1 M VIÑALES Yamaha 1:33.072  
2 P ESPARGARÓ Honda 1:33.183 +0.111
3 A RINS Suzuki 1:33.501 +0.429
4 F QUARTARARO Yamaha 1:33.633 +0.561
5 J ZARCO Pramac Ducati 1:33.887 +0.815
6 D PETRUCCI Tech3 KTM 1:33.939 +0.867
7 A ESPARGARÓ Aprilia Gresini 1:33.993 +0.921
8 T NAKAGAMI LCR Honda 1:34.004 +0.932
9 M MÁRQUEZ Honda 1:34.048 +0.976
10 L SAVADORI Aprilia Gresini 1:34.098 +1.026
11 J MILLER Ducati 1:34.245 +1.173
12 F BAGNAIA Ducati 1:34.265 +1.193
13 J MIR Suzuki 1:34.299 +1.227
14 M OLIVEIRA KTM 1:34.422 +1.350
15 V ROSSI SRT Yamaha 1:34.431 +1.359
16 B BINDER KTM 1:34.491 +1.419
17 I LECUONA Tech3 KTM 1:34.510 +1.438
18 A MÁRQUEZ LCR Honda 1:34.916 +1.844
19 E BASTIANINI Avintia Ducati 1:35.253 +2.181
20 J MARTÍN Pramac Ducati 1:35.292 +2.220
21 L MARINI Avintia VR46 Ducati 1:35.506 +2.434
22 G GERLOFF SRT Yamaha 1:35.961 +2.889
Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade