0

Hayden teve que ser reanimado após atropelamento e está em estado crítico

17 mai 2017
18h55
  • separator
  • comentários

O piloto americano Nicky Hayden, que foi atropelado nesta quarta-feira enquanto andava de bicicleta na província de Rimini, no norte da Itália, teve que ser reanimado, segue em estado crítico e não apresentou melhora nas últimas horas.

"As condições são críticas, não melhoraram. O piloto está muito frágil para se submeter a uma intervenção cirúrgica", diz comunicado emitido pelo Hospital Maurizio Bufalini, em Cesena, onde está internado.

A equipe que cuida de Hayden afirma que "o problema mais sério é um hematoma craniano". Além disso, o texto revela que o americano precisou ser reanimado pouco depois do atropelamento, já na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI).

O veterano, de 35 anos, estava com um grupo de ciclistas quando foi atingido por um veículo. A colisão o fez cair sobre o capô, quebrando o pará-brisas do carro. Depois, acabou caindo no asfalto.

Hayden sofreu graves politraumatismos na cabeça e lesões no peito. Depois de receber atendimento no local do atropelamento, o piloto foi encaminhado para uma emergência na região. Em seguida, foi levado para o Hospital Maurizio Bufalini.

EFE   

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade