PUBLICIDADE

GP às 10: Com VR46, Ducati aposta firme no futuro e domina grid da MotoGP

A partir de 2022, a Ducati vai contar com oito das 24 motos no grid da MotoGP. Além da equipe principal, três satélites vão ajudar na evolução da moto e de jovens pilotos, transformando a montadora italiana no grande alvo da categoria

24 jun 2021 22h02
ver comentários
Publicidade
A aposta da Ducati em muitos times e jovens pilotos é o assunto do GP às 10 de hoje
A aposta da Ducati em muitos times e jovens pilotos é o assunto do GP às 10 de hoje
Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio / Grande Prêmio

Ducati e VR46 finalmente confirmaram a parceira por três temporadas da MotoGP. Com o anúncio feito pela fábrica de Bolonha, a equipe de Valentino Rossi finalmente tem a moto definida para estrear na classe rainha do Mundial de Motovelocidade.

Além disso, a Ducati ainda contar com mais três equipes na próxima temporada. Além, claro, do time de fábrica, a Pramac e a Gresini vão correr com motos Demosedici GP em 2022. A mudança faz com que os italianos tenha oito de 24 motos no grid da MotoGP.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

VR46 e Ducati finalmente confirmaram a parceria a partir de 2022 (Foto: VR46)

A montadora ainda aposta em jovens promessas para trilhar o futuro na MotoGP. Com nomes jovens, oriundos da Moto2, e que ainda possuem muito caminho pela frente, a marca quer firmar o compromisso de ser a porta de entrada para muitos nomes que podem ser grandes na categoria. São todas esses temas que Pedro Luis Cuenca vai abordar no GP às 10 desta quinta-feira.

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade