0

Crutchlow nega erro em rebaixamento, mas diz que Álex Márquez merece Honda

Britânico considerou que a Honda agiu por instinto ao rebaixar o espanhol para a satélite LCR antes mesmo do início da temporada. Ainda assim, Cal avaliou que o campeão de 2019 da Moto2 não precisa se preocupar com a qualidade equipe de Lucio Cecchinello

22 out 2020
12h44
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator
Cal Crutchlow perdeu a vaga na LCR para Álex Márquez
Cal Crutchlow perdeu a vaga na LCR para Álex Márquez
Foto: Reprodução / Grande Prêmio

Cal Crutchlow acredita que Álex Márquez fez por merecer uma vaga no time de fábrica da Honda na MotoGP. O espanhol subiu no pódio nas últimas duas corridas da temporada 2020, primeiro com um segundo lugar na chuva em Le Mans e, depois, com o mesmo resultado, mas com pista seca em Aragão.

Antes mesmo do início da temporada 2020, a Honda decidiu estender o contrato com Álex, mas descê-lo para a equipe satélite, no lugar que hoje é britânico. Assim, Pol Espargaró foi contratado para assumir a posição ao lado de Marc Márquez nos próximos dois anos.

Cal Crutchlow acredita que Álex Márquez não precisa se preocupar com mudança para LCR
Cal Crutchlow acredita que Álex Márquez não precisa se preocupar com mudança para LCR
Foto: LCR / Grande Prêmio

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Falando à imprensa às vésperas do GP de Teruel, Crutchlow avaliou que o piloto de Cervera fez por merecer a vaga no time principal, mas negou que a Honda tenha cometido um erro no início do ano.

"Na época, a Honda agiu por instinto, pelo que sabia de Álex. Não acho que tenha sido uma decisão equivocada, mas, claro, é evidente que Álex fez por merecer ficar na equipe Repsol", avaliou Cal.

Ainda assim, Cal destacou que, apesar da diferença de orçamento, a escuderia de Lucio Cecchinello é boa o bastante, ainda mais contando com o apoio da HRC, a divisão esportiva da marca da asa dourada.

"Álex tem contrato com a Honda e vai contar com uma moto de fábrica", lembrou. "Esta é uma equipe muito boa, e acho que ele vai se sair bem com qualquer estrutura que contar", seguiu.

"Evidentemente, existe uma diferença em termos de recursos, mas não acho que ele deva se preocupar", concluiu.

O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do GP de Teruel, 12ª etapa do Mundial de Motovelocidade 2020.

Ouça os programas do GRANDE PRÊMIO no formato de podcast:

Veja também:

Lembre os jogos que o São Paulo está sem perder no Brasileirão
Grande Prêmio
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade