PUBLICIDADE

Biaggi é incluído no rol das Lendas da MotoGP em cerimônia em Mugello

Tetracampeão da classe 250cc, Max Biaggi entrou oficialmente nesta sexta-feira (27) no rol das Lendas da MotoGP. É o 34º nome a fazer parte da lista

27 mai 2022 12h11
| atualizado às 13h08
ver comentários
Publicidade
Biaggi é tetracampeão da classe 250cc
Biaggi é tetracampeão da classe 250cc
Foto: MotoGP / Grande Prêmio

HOMENAGEM JUSTA OU DESNECESSÁRIA? MOTOGP APOSENTA #46 DE ROSSI EM MUGELLO

O rol das lendas da MotoGP ganhou mais um nome nesta sexta-feira (27). Trata-se de Max Biaggi, tetracampeão da classe 250cc, que dominou a categoria de 1994 a 1997. A cerimônia foi feita no circuito de Mugello, palco da oitava etapa do campeonato da MotoGP, e Biaggi foi presenteado com uma 'medalha das lendas' por Carmelo Ezpeleta, CEO da Dorna.

Hoje chefe de equipe na Moto3, Biaggi chegou ao Mundial em 1991, nas 250cc. No ano seguinte, o italiano de Roma conquistou sua primeira vitória. O título na classe intermediária chegou em 1994, com a Aprilia. Max repetiu o feito nos dois anos seguintes e, em 1997, agora de Honda, conquistou a quarta coroa nas 250cc.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Biaggi é o 34º nome a ser incluído na lista (Foto: MotoGP)

No ano seguinte, Max saltou para a classe rainha e, logo no primeiro ano, conquistou o topo do pódio, fechando a temporada com o vice-campeonato. Biaggi ficou na classe rainha até 2005 e conquistou um total de 13 vitórias, 58 pódios e 23 poles. Além disso, o 'Imperador Romano' foi vice-campeão em 2001 e 2002.

"Quero agradecer simplesmente a todos que fizeram isso acontecer, todo o trabalho dos fabricantes no passado, começando pela Aprilia, Honda, Yamaha, e todas as pessoas que estão aqui são basicamente as que me apoiaram o tempo todo, em diferentes equipes e situações diferentes, nos dias bons e nos dias ruins", declarou ele.

"Estou orgulhoso também que minha família realmente me incentivou nos dias ruins a fazer isso e nunca desistir, eles me apoiaram o tempo todo. Hoje, eles estão aqui, meu filho e minha filha estão aqui, então isso é um momento muito emocionante porque eles podem dizer agora: 'Ei, meu pai é uma lenda', então isso é algo legal! Vinte anos atrás, eu nem pensava nisso, então, como homem, isso também é importante", acrescentou.

Biaggi é o 34º nome a fazer parte da lista, ao lado de Jorge Lorenzo, Valentino Rossi, Stefan Dörflinger, Giacomo Agostini, Mick Doohan, Geoff Duke, Wayne Gardner, Mike Hailwood, Daijiro Kato, Eddie Lawson, Anton Mang, Angel Nieto, Wayne Rainey, Phil Read, Jim Redman, Kenny Roberts, Jarno Saarinen, Kevin Schwantz, Barry Sheene, Marco Simoncelli, Freddie Spencer, Casey Stoner, John Surtees, Carlo Ubbiali, Alex Crivillé, Franco Uncini, Marco Lucchinelli, Randy Mamola, Kork Ballington, Dani Pedrosa e Nicky Hayden.

BASTIANINI, MARTÍN OU MILLER: QUEM FICA COM A VAGA NA DUCATI NA MOTOGP EM 2023?

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.
Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade