PUBLICIDADE

Bagnaia corta cinco pontos da vantagem de Quartararo na MotoGP. Confira classificação

Com a segunda vitória na temporada 2021 da MotoGP, o italiano da Ducati chegou aos 186 pontos e reduziu para 48 a vantagem do francês da Yamaha na classificação do Mundial de Pilotos

19 set 2021 11h05
ver comentários
Publicidade
Francesco Bagnaia e Fabio Quartararo foram os dois primeiros no pódio em Misano
Francesco Bagnaia e Fabio Quartararo foram os dois primeiros no pódio em Misano
Foto: AFP / Grande Prêmio

Fabio Quartararo ainda tem uma situação para lá de confortável, mas Francesco Bagnaia conseguiu mais uma vez descontar a vantagem do rival no topo da tabela de classificação do Mundial de Pilotos. Com a vitória no GP de San Marino e da Riviera de Rimini, a segunda seguida do piloto de Torino, os dois agora está separados por 48 pontos.

Com o triunfo em Misano, Bagnaia reduziu mais cinco pontos a vantagem de Fabio. Ainda assim, a situação do piloto da Yamaha é bastante confortável. Ainda que não possa fechar a conta do Mundial no GP das Américas, próxima parada do campeonato, a vantagem ainda é bastante larga.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Francesco Bagnaia cortou cinco pontos da vantagem de Fabio Quartararo (Foto: AFP)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Restando quatro GPs para o encerramento do campeonato, cem pontos ainda serão distribuídos, o que mantém Joan Mir, Johann Zarco e Jack Miller vivos na briga. 110 tentos atrás de Quartararo, Brad Binder tem o sexto posto, à frente de Aleix Espargaró, Maverick Viñales, Marc Márquez e Miguel Oliveira.

Jorge Martín tem 71 pontos no campeonato e ocupa a 11ª colocação, seguido por Takaaki Nakagami, Álex Rins e Pol Espargaró. Destaque em Misano, Enea Bastianini chegou aos 61 pontos e tem a 15ª posição na tabela.

Álex Márquez vem logo atrás, com Franco Morbidelli, Iker Lecuona, Danilo Petrucci, Luca Marini, Valentino Rossi, Stefan Bradl, Michele Pirro, Dani Pedrosa, Lorenzo Savadori e Tito Rabat completam a lista de 26 pilotos que pontuaram até aqui.

No Mundial de Construtores, a Ducati lidera com 275 pontos, 13 a mais que a Yamaha. A Suzuki tem o terceiro posto, à frente de KTM, Honda e Aprilia.

No Mundial de Equipes, a Yamaha soma 329 pontos, só três a mais que a Ducati. A Suzuki é a terceira na tabela, com Pramac, KTM, Honda, LCR, Aprilia, Avintia, Tech3 e SRT fechando a lista de 11 participantes.

A MotoGP volta às pistas no próximo dia 3 de outubro para o GP das Américas, em Austin, no Texas. O GRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do Mundial de Motovelocidade 2021.

Grande Prêmio
Publicidade
Publicidade