0

Messi conquista Bola de Ouro pela 6ª vez; Rapinoe vence entre as mulheres

2 dez 2019
17h47
atualizado às 18h57
  • separator
  • 0
  • comentários

O atacante argentino Lionel Messi, do Barcelona, conquistou nesta segunda-feira o prêmio Bola de Ouro pela sexta vez, batendo os quatro indicados do Liverpool para atingir um recorde na mais prestigiada premiação individual do futebol.

Lionel Messi na cerimônia da Bola de Ouro, em Paris
02/12/2019 REUTERS/Christian Hartmann
Lionel Messi na cerimônia da Bola de Ouro, em Paris 02/12/2019 REUTERS/Christian Hartmann
Foto: Reuters

O jogador de 32 anos, que venceu o Campeonato Espanhol pelo Barcelona mas ficou apenas em terceiro lugar com seu país na Copa América, adiciona o troféu aos conquistados em 2009, 2010, 2011, 2012 e 2015.

Ele bateu Virgil van Dijk, vice-campeão, e o terceiro colocado Cristiano Ronaldo, que já levou o prêmio cinco vezes.

"Dez anos atrás, recebi minha primeira Bola de Ouro, guiado por meus três irmãos. Hoje, recebo minha sexta, guiado por minha esposa e meus filhos", disse Messi à plateia.

O senegalês Sadio Mané ficou em quarto lugar na premiação, concedida com votos de jornalistas internacionais. Ao lado de Van Dijk e dos também concorrentes Alisson Becker (Brasil) e Mohamed Salah (Egito), ele ajudou o Liverpool a conquistar a Liga dos Campeões na última temporada.

Entre as mulheres, Megan Rapinoe venceu a Bola de Ouro, após liderar os Estados Unidos rumo à conquista do tetracampeonato mundial de futebol feminino neste ano, em torneio disputado na França.

A meio-campista, de 34 anos, foi a jogadora destaque da Copa do Mundo, e sucede a norueguesa Ada Hegerberg, que não disputou o Mundial, como detentora do prêmio.

Rapinoe não esteve presente à cerimônia, realizada no Theatre du Chatelet.

"Estou muito triste por não ter conseguido ir hoje à noite... Não consigo acreditar que sou a vencedora, este foi um ano incrível", disse Rapinoe em mensagem gravada.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade