0

Mbappé salva França em empate de 2 x 2 com a Islândia

11 out 2018
20h45
  • separator
  • comentários

Kylian Mbappé saiu do banco de reservas e arquitetou dois gols no final da partida para garantir um empate em 2 x 2 com a Islândia e poupar o time atual campeão mundial de maior vexame em amistoso nesta quinta-feira em Guingamp.

Mbappé comemora gol da França
11/10/2018   REUTERS/Stephane Mahe
Mbappé comemora gol da França 11/10/2018 REUTERS/Stephane Mahe
Foto: Reuters

O time da casa usufruiu da posse de bola e criou diversas boas oportunidades, mas a Islândia, derrotada por 6 x 0 e 3 x 0 em suas últimas duas partidas, contra Suíça e Bélgica, conseguiu assumir a vantagem aos 30 minutos do primeiro tempo.

    Alfred Finnbogason se livrou do zagueiro Presnel Kimpembe, enganou o lateral Lucas Digne e passou a bola para Birkir Bjarnason, que chutou da entrada da área.

    O gol foi o primeiro da Islândia sob o novo técnico Eirk Hamren. Kari Arnason aumentou o placar aos 13 minutos do segundo tempo.

Isto provocou a entrada de Mbappé, que marcou o quarto gol da França na vitória por 4 x 2 sobre a Croácia na final da Copa do Mundo.

    Os jogadores da Islândia foram atrás de todas as bolas em esforço coletivo para tentar terminar a partida sem levar gols, mas fracassaram aos 41 do segundo tempo.

    Após ter um gol anulado por impedimento, Mbappé, de 19 anos, chutou uma bola que o goleiro Hannes Halldorsson espalmou em cima de Holmar Orn Eyjolfsson. A bola entrou quicando pela linha em um gol contra.

    Mbappé empatou o jogo quatro minutos depois, marcando de pênalti após Kolbeinn Sigthorsson encostar a mão na bola.

    A França recebe a Alemanha no Stade de France na terça-feira, em sua terceira partida do Grupo 1 da Liga das Nações. A seleção francesa conseguiu quatro pontos em suas duas primeiras partidas.

    A Islândia recebe a Suíça, pelo Grupo 2, na segunda-feira.

Reuters Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Fica expresamente proibido seu uso ou de seu nome sem a prévia autorização de Reuters. Todos os direitos reservados.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade