1 evento ao vivo

Brasileira Maria Suelen Altheman leva o bronze no Grand Slam de Judô de Abu Dhabi

Altheman derrotou a bósnia Lisa Ceric na decisão do terceiro lugar, após cair nas quartas de final

26 out 2019
14h08
atualizado às 16h32
  • separator
  • 0
  • comentários

A brasileira Maria Suelen Altheman (+78kg) faturou o bronze no Grand Slam de Judô de Abu Dhabi neste sábado, último dia da competição. Na decisão do terceiro lugar, ela venceu a Lisa Ceric, da Bósnia e Herzegovina, por ippon, para ficar com a medalha.

É a sexta medalha que Maria Suelen Altheman conquista em 2019. Ela foi ouro no Grand Slam de Ecaterimburgo, prata no Grand Slam de Brasília e no Campeonato Pan-Americano, e bronze no Grand Slam de Düsseldorf e no Aberto Europeu de Oberwart.

Maria Suelen Altheman durante a luta em que conquistou bronze no Grand Slam de Abu Dabi
Maria Suelen Altheman durante a luta em que conquistou bronze no Grand Slam de Abu Dabi
Foto: Divulgação / Federação Internacional de Judô / Estadão

Para chegar a mais um pódio, a brasileira passou pela holandesa Tessie Savelkouls nas punições (shidos) e Gabriella Wood, de Trinidad e Tobago, com um ippon em menos de um minuto.

Na sequência, foi superada pela francesa Anne Fatoumata Bairo nas quartas de final e teve de disputar a repescagem, fase em que enfrentou Maryna Slutskaya, da Bielorrúsia. Ela venceu a oponente com um ippon no fim do tempo regulamentar e avançou à disputa pelo bronze contra Lisa Ceric. A brasileira soube aproveitar as oportunidades e aplicou um belo ippon com um minuto e vinte segundos de luta, garantindo o pódio.

Rafael Buzacarini, (100kg) também competiu neste sábado. O brasileiro estreou com vitória sobre o austríaco Aaron Fara, mas parou nas oitavas de final ao ser derrotado pelo russo Arman Adamian, que conseguiu forçar um shido no brasileiro e acabou avançando com um waza-ari.

O próximo evento da Federação Internacional de Judô (IJF, na sigla em inglês) na temporada será o Perth Oceania Open, na Austrália. A competição será nos dias 3 e 4 de novembro.

Estadão
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade