PUBLICIDADE

Após derrota no taekwondo, Milena fala sobre Olimpíadas: "Chegar aqui já é uma grande vitória"

26 jul 2021 10h44
| atualizado às 10h44
ver comentários
Publicidade

Nesta segunda-feira, a lutadora Milena Titoneli não conseguiu a medalha de bronze no taekwondo feminino nos Jogos Olímpicos de Tóquio. A brasileira, que atuou na categoria de até 67kg, perdeu para a marfinense Ruth Gbagbi por 12 a 8.

Apesar da derrota, Milena vê com bons olhos a participação em solo japonês: "Esses Jogos foram de muita superação para mim. Chegar aqui já é uma grande vitória. Tive que vencer muita coisa para estar aqui. Apesar de ter perdido, estou muito feliz."

"Queria muito essa medalha e eu poderia ter ganhado. Não perdi porque as adversárias eram muito melhores do que eu. Lutei de igual para igual com todas e elas tiveram os seus méritos, foram superiores", completou.

Milena estreou em Tóquio com vitória diante de Julyana Al-Sadeq, da Jordânia. Nas quartas de final, foi superada pela croata número 1 do mundo, Matea Jelic, e, na repescagem, ganhou da haitiana Lauren Lee. Com o triunfo, garantiu presença na luta pelo bronze.

Titoneli avaliou o desempenho nas Olimpíadas e projetou a preparação para o futuro: "Com certeza eu saio daqui com gostinho de quero mais. Tenho uma nova equipe, com pessoas novas e estou muito feliz, com vontade de continuar. Eu me sinto com uma fênix, que renasce das cinzas. Então, podem ter certeza de que em 2024 eu vou dar o meu máximo. Vou voltar mais forte."

Gazeta Esportiva Gazeta Esportiva
Publicidade
Publicidade