6 eventos ao vivo

João Pedro marca dois e Fluminense goleia o Cruzeiro

Pelo segundo jogo seguido, equipe carioca dominou a equipe mineira, mas dessa vez goleou por 4 a 1

18 mai 2019
20h10
atualizado às 20h20
  • separator
  • 6
  • comentários

Pelo segundo jogo seguido, o Fluminense dominou Cruzeiro e contou com a estrela do menino João Pedro para, dessa vez, vencer e golear com justiça por 4 a 1, no Maracanã. Nino e Luciano abriram 2 a 0, e Robinho recolocou a equipe mineira no jogo. Mas com dois passes de Marcos Paulo, o camisa 23 marcou duas vezes e construiu a goleada tricolor neste sábado, na partida válida pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

O clube das Laranjeiras volta ao Maraca nesta quinta-feira, às 21h30, para confrontar o Atlético Nacional, pela Sul-Americana. A equipe mineira joga somente no domingo, às 19h, contra a Chapecoense, no Mineirão. Fluminense e Cruzeiro enfrentam-se novamente no dia 5 de junho, em Belo Horizonte, pela Copa do Brasil.

Fluminense x Cruzeiro
Fluminense x Cruzeiro
Foto: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C / LANCE!

Tinha um pé no meio do caminho

Os 10 primeiros minutos de jogo foram melhores neste sábado do que na última quarta-feira. O Cruzeiro começou exercendo uma pressão moderada na saída de bola do Flu, que conseguia se desvencilhar bem e chegava à frente. Yony e Léo Artur tentaram, mas as finalizações do time tricolor encontravam sempre um pé cruzeirense no caminho para o gol.

Lutra trocada

Sem conseguir atrapalhar a construção de jogo do Flu, a equipe mineira recuou, mas não deixou de contra-atacar. Rodriguinho chutou de fora da área e a bola tirou tinta do ângulo esquerdo. Depois, Agenor saiu bem nos pés de Pedro Rocha para impedir que o cruzeirense marcasse. O time tricolor devolveu: livre da entrada da área, Daniel praticamente recuou para Rafael e desperdiçou.

Artilharia aérea

No fim da primeira etapa, a defesa carioca desorganizou-se e por duas vezes, contou com os erros de Rocha para não sair no prejuízo. Mas quando o Cruzeiro era melhor, Nino atacou de cabeça. Daniel cobrou na primeira trave, o zagueiro ganhou de Henrique e cabeceou bonito para abrir o placar para o Flu.

Se vira nos 35!

Foram precisamente 35 segundos entre o início da etapa final e o segundo gol tricolor. Gilberto bateu forte, cruzado, Daniel tentou o desvio de letra e a bola se ofereceu para Luciano na pequena área. O camisa 18 limpou o goleiro, e aumentou a vantagem para os cariocas.

Sem respiro!

O Cruzeiro assimilou rapidamente o golpe e revidou na mesma moeda. Após erro de Ganso na saída de bola, Egídio lançou Rocha na esquerda, que cruzou para Fred. Agenor travou o centroavante, e no rebote, Robinho encheu o pé para estufar as redes e dar sobrevida à equipe mineira no jogo.

Xerém resolve!

São 17 anos e meio: essa é a idade dos dois últimos gols do Fluminense. Marcos Paulo, de 18 anos, recebeu na direita e cruzou. João Pedro, de 17, aproveitou o cochilo da zaga celeste para se antecipar e desviar de canela para a meta do Cruzeiro. No último lance do jogo, a dupla voltou a atacar: o camisa 32 tentou um chapéu na entrada da área, e a bola sobrou para camisa 23 invadir a área, marcar o segundo e completar o show de Xerém no Maracanã.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 1 X 0 CRUZEIRO

Data/Hora: 18/05/2019, às 18h (de Brasília)

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza

Auxiliares: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Alex Ang Ribeiro (SP-FIFA)

Árbitro de Vídeo: Heber Roberto Lopes (SC)

Público e renda: 11.437 /R$ 253.360,00

Gramado: Regular (pelas chuvas)

Cartões Amarelos: Rodriguinho (CRU), Allan, Luciano (FLU)

Gols: Nino 43'/1ºT (1-0), Luciano 01'/2ºT (2-0), Robinho 03'/2ºT (2-1), João Pedro 35'/2ºT (3-1)

FLUMINENSE

Agenor; Gilberto, Matheus Ferraz, Nino, Caio Henrique; Allan, Daniel (Igor Julião 38'/2º T), Paulo Henrique Ganso, Léo Artur (João Pedro 26'/2ºT); Yony González, Luciano (Marcos Paulo 32'/2ºT). Técnico: Fernando Diniz

CRUZEIRO

Rafael; Orejuela (M. Gabriel 12'/2ºT), Dedé, Léo, Egídio; Henrique, Lucas Romero; Robinho, Rodriguinho (Deivid 30'/2ºT), Pedro Rocha; Fred (Sassá 33'/2ºT). Técnico: Mano Menezes

Veja também:

 

Lance!
  • separator
  • 6
  • comentários
publicidade