2 eventos ao vivo

Vontade e esperança: Suécia goleia e avança; México passa em segundo

A Suécia foi superior e venceu por 3 a 0 o México e se classificou em 1º lugar no Grupo F

27 jun 2018
13h00
atualizado às 13h15
  • separator
  • 0
  • comentários

A Suécia surpreendeu a todos e se classificou para as oitavas de final da Copa do Mundo. Melhor durante os 90 minutos, os suecos derrotaram a seleção mexicana por 3 a 0, em Ecaterimburgo e terminaram como os primeiros colocados do Grupo F. O México pouco fez para reverter a situação na partida e com a derrota, avançou de fase na segunda colocação da chave por conta do saldo de gols.

México x Suécia
México x Suécia
Foto: JORGE GUERRERO / AFP / Lance!

No outro jogo do Grupo F, a Alemanha perdeu para a Coreia do Sul por 2 a 0 e foi eliminada do Mundial, com três pontos, junto com os asiáticos, que terminaram a participação no torneio com três pontos conquistados.

Superioridade sueca
Durante os 90 minutos apenas um time tentou tirar o zero do placar. A Suécia ditou o ritmo do jogo e por conta de grandes defesas do Ochoa não marcou ainda no primeiro tempo. Foram ao menos três chances claras de gol desperdiçadas pelos suecos.

Na etapa complementar não teve jeito, logo aos cinco minutos Augustinsson apareceu livre na área para mandar a bola para o fundo das redes. E o México sentiu o gol. Dez minutos depois, Moreno deu carrinho em Berg dentro da área e imediatamente o juiz apontou a penalidade que foi convertida pelo capitão da equipe Granqvist.

A Suécia sentiu o momento favorável na partida e continuou pressionando os mexicanos. Aos 28 minutos, em cobrança de lateral para área, a zaga do México acabou se atrapalhando e Álvarez desviou contra o próprio gol. Ochoa ficou rendido no lance e o placar já marcava 3 a 0.

Decepção mexicana e tabu
Mesmo com a classificação, a equipe comandada por Osório não esperava avançar de fase na segunda colocação. Os suecos dominaram a seleção 'sensação' da Copa e pelo saldo de gols terminaram como líderes do Grupo F. O México pouco fez para reverter o placar e não conseguiu apresentar o mesmo futebol das partidas diante a Alemanha e Coreia do Sul, onde foram superiores o jogo todo e mereceram os três pontos. Não foi dessa vez que os mexicanos venceram pela primeira vez, três jogos seguidos em Mundiais.

Ochoa
Não demorou para o goleiro mexicano operar alguns milagres na partida. Logo aos cinco minutos do primeiro tempo, Forsberg já obrigou Ochoa a fazer ótima defesa em cobrança de falta. Depois foi a vez de Berg parar no grande reflexo do arqueiro. Porém, não conseguiu manter o alto nível no segundo tempo e apesar de não ter culpa em nenhum dos gols sofridos, pouco pode fazer para ajudar a sua equipe a vencer.

VAR
Aos 30 minutos do primeiro tempo, o árbitro Nestor Pitana paralisou o jogo para verificar um suposto toque de mão de Chicharito dentro da área. Os suecos reclamaram imediatamente sobre a infração, mas o juiz seguiu com o mesmo pensamento de antes e apenas marcou escanteio para os europeus.

E agora?
A Suécia espera o segundo colocado do Grupo E, enquanto os mexicanos enfrentarão o primeiro lugar do mesmo Grupo. Brasil, Suíça e Sérvia disputam apenas duas vagas nesta quarta-feira, na rodada das 15 horas.

MÉXICO 0 X 3 SUÉCIA
Local: Arena Ekaterinburg (Ecaterimburgo)
Árbitro: Nestor Pitana (ARG)
Assistentes: Hernan Maidana e Juan Pablo Belatti (ARG)
Cartões amarelos: Gallardo (MEX); Larsson (SWE); Moreno (MEX); Layún (MEX); Lustig (SWE)

Cartões vermelhos: -
Público: -
Gol: Ludwig Augustinsson (4'/2ºT); Granqvist (16'/2ºT); Edson Álvarez (contra- 28'/2ºT)

MÉXICO:
Ochoa; Salcedo, Alvaréz, Moreno e Gallardo (Fabián, 19'/2ºT); Layún (Peralta, 43'/2ºT), Herrera, Guardado (Jesus Corona 11'/2ºT), Lozano e Vela; Chicharito Hernández. Técnico: Juan Carlos Osorio.

SUÉCIA: Olsen; Lustig, Lindelöf, Granqvist e Augustinsson; Larsson (Svensson, 11'/2ºT), Ekdal (Hiljemark 34'/2ºT), Claesson e Forsberg; Toivonen e Berg (Thelin, 21'/2ºT). Técnico: Janne Andersson.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade