2 eventos ao vivo
Logo do Fluminense
Foto: terra

Fluminense

Vice em 2009, Marquinho detalha dia da decisão da Sula contra a LDU

Meia, que não está à disposição do técnico Abel Braga para o jogo desta quinta-feira, afirma que a final do Maracanã e a festa da torcida tricolor "não saem de sua cabeça"

13 set 2017
12h37
atualizado às 12h43
  • separator
  • comentários

O dia 2 de dezembro de 2009 é inesquecível para a torcida tricolor. Uma temporada após conquistar o vice-campeonato da Copa Libertadores, o Fluminense se viu frente a frente com a LDU no Maracanã. Naquela vez, a decisão era da Sul-Americana, mas os equatorianos novamente frustraram milhares de torcedores que compareceram e fizeram linda festa no estádio.

Ao lado de Gum, Marquinho é um dos atletas que fizeram parte da campanha de 2009 que está no atual elenco. E o meia partilha do sentimento da torcida: o vice-campeonato da Sul-Americana, no Maracanã, não sai de sua cabeça.

- Foi um pecado a gente não levar aquele título, mas a experiência de ter estado em campo naquele dia foi única. O final do jogo com a torcida de pé, cantando e aplaudindo foi sensacional. Para o clube, o jogo na sequência, contra o Coritiba, foi mais importante, mas essa partida contra a LDU nunca vai sair da minha cabeça - comentou Marquinho, meio-campo do Fluminense.

Depois de perder por 5 a 1 em Quito, no Estádio Casa Blanca, o Flu, comandado por Cuca e empurrado por mais 69 mil torcedores, venceu por 3 a 0. Faltou um gol para a taça ir para as Laranjeiras. Anos depois, Marquinho relembra a luta do time em campo e as dificuldades que a equipe encontrou contra o rival.

- Foi um jogo muito pesado. Teve briga com juiz, teve briga entre os jogadores e muita discussão. A gente conseguiu o 2 a 0 no primeiro tempo e a torcida estava toda em cima, empurrando a gente. Uma sensação incrível, indescritível. Tanto que no intervalo não fomos para o vestiário, ficamos em campo, depois sentamos no banco de reservas, para permanecer naquele clima. Tentamos de tudo na segunda etapa. O Fred foi expulso e não dá para dizer se com ele em campo conseguiríamos mais gols. A arbitragem também prejudicou demais.

Nesta quinta, o Maracanã volta a ser palco do duelo entre Fluminense e LDU, desta vez pela partida de ida das oitavas de final da Copa Sul-Americana. O meia Marquinho, que se recupera de uma cirurgia no joelho direito, não está à disposição de Abel Braga, mas será mais um tricolor nas arquibancadas. A última parcial divulgada pelo clube foi de mais de 30 mil ingressos vendidos.

A presença e o apoio da torcida em 2009, antes, durante e depois da final, também são lembradas por Marquinho, que destacou a importância dos torcedores naquela final. O meia relembrou momentos especiais que viveu desde a saída da concentração do clube até o gramado do Maracanã.

- Logo na saída do hotel, a gente estava entrando no ônibus e o Cuca chamou o Diguinho e eu. Nós, juntos com o Ruy, que tinha um banjo, e o Tartá, que fazia o batuque, comandávamos a "bagunça" no fundo do ônibus. O Cuca pediu para a gente fazer muito barulho, brincar bastante, porque estava sentindo o grupo muito tenso e queria que o pessoal relaxasse. E assim foi, todos empolgados, gritando e a gente nem percebeu o trajeto - disse o meia, antes de seguir:

- Quando fomos chegando no Maracanã percebemos aquela multidão nos cercando, fazendo o corredor para o ônibus. Foi muito marcante. Me lembro de ver jogadores chorando de tão emocionante. No caminho para o vestiário colocaram cartazes com mensagens das famílias... Foi tudo muito empolgante.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 3X0 LDU


Data-Hora: 02/12/2009, às 21h50
Estádio: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Carlos Amarilla (PAR)
Auxiliares: Emigdio Ruiz (PAR) e Nicolás Yegrós (PAR)

Renda/Público:
R$ 1.409.659,00 / 69.565 presentes (65.822 pagantes)

Cartões Amarelos: Gum, Alan e Mariano (FLU); Campos, Domínguez e Larrea (LDU)
Cartões Vermelhos: Fred (FLU); De La Cruz e Campos (LDU)

Gols: Diguinho (13'/1ºT), Fred (43'/1ºT) e Gum (26'/2ºT)

FLUMINENSE: Rafael, Mariano (Maurício, 43'/2ºT), Dalton, Gum e Marquinho; Diogo (Raphael Augusto, 22'/2ºT), Diguinho e Conca; Adeílson (Ruy, 12'/2ºT), Alan e Fred - Técnico: Cuca

LDU: Domínguez, Norberto Araujo, Espínola e Campos; Reasco, Diego Calderón, William Araújo, Mendez e De La Cruz; Bieler (Bolaños, 43'/2ºT) e Walter Calderón (Larrea, [26'/1ºT e Calle, 38'/2ºT) - Técnico: Jorge Fossati

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade