1 evento ao vivo

Veja as dez transferências mais caras da atual janela de inverno na Europa

Paquetá, Piatek, Emiliano Sala, De Jong... Os clubes abriram os cofres para reforçar suas equipes nesse período, que começou no dia 1 de janeiro e se encerra nesta quinta-feira

30 jan 2019
14h01
atualizado às 14h01
  • separator
  • comentários

A janela de transferências de inverno na Europa abriu no dia 1 de janeiro de 2019 e se encerra nesta quinta-feira, às 23h. O período foi bem frutífero para alguns clubes, que abriram seus cofres e reforçaram suas equipes. Com contratos e momentos diferentes, dez jogadores se tornaram os mais caros dessa janela.

Na primeira posição, Frenkie De Jong acabou com as especulações e se juntou ao Barcelona. Completam o top 3, Pulisic no Chelsea (saindo do Borussia Dortmund) e Lucas Paquetá, que deixou o Flamengo pelo Milan. Confira as dez principais transferências desse período.

FIM DA NOVELA

Frenkie De Jong, Paquetá e Pulisic são alguns dos destaques (Foto: AFP)
Frenkie De Jong, Paquetá e Pulisic são alguns dos destaques (Foto: AFP)
Foto: Lance!

Frenkie De Jong integra o Barça na próxima temporada (Foto: Reprodução)

Frenkie De Jong foi o grande nome da janela. Após muitas especulações, o meia holandês, finalmente, definiu seu destino. O jogador assinou com o Barcelona, mas só integra a equipe na próxima temporada. A imprensa européia acredita que o Barça pagou 75 milhões de euros (R$ 324 milhões) pelo atleta, que é um dos grandes expoentes de sua geração.

GREAT DEAL: PULISIC NO CHELSEA

Pulisic é a segunda maior venda da história do Borussia Dortmund (Foto: Alexandre Simoes/Getty Images)

Nesta janela de transferências, o Borussia Dortmund fez a maior venda da sua história. Por 50 milhões de euros (R$ 258 milhões), o clube alemão vendeu o americano Christian Pulisic para o Chelsea. O atacante, porém, só passa a integrar o clube londrino na próxima temporada.

O RUBRO-NEGRO

Paquetá deu uma assistência na vitória sobre o Napoli, por 2 a 0, nesta terça-feira (Foto: Reprodução / Twitter)

O Milan apostou em Paquetá e pagou 35 milhões de euros (R$ 149 milhões) pelo jogador revelado pelo Flamengo. O meia se tornou o segundo brasileiro mais caro da história do futebol italiano e já participou de cinco partidas, com uma assistência efetuado.

O PLANO B

Paredes é a sexta maior contratação da história do PSG (Foto: Divulgação)

O PSG também fez uma contratação que entrou para a sua história. Com a ida de Frenkie De Jong para o Barcelona, o clube parisiense foi atrás do plano B e tirou Leandro Paredes do Zenit, por 47 milhões de euros (R$ 201 milhões). O argentino tem 24 anos e já teve passagens por Chievo, Roma e Empoli. Foi a sexta maior contratação da história do PSG.

'NOVO LEWANDOWSKI'

Piatek já correspondeu em campo (Foto: Divulgação)

Krzysztof Piatek já tinha feito história no Genoa, em apenas meia temporada, quebrando recordes e fazendo muitos gols. O Milan não teve dúvidas ao apontar o substituto de Higuaín (que foi para o Chelsea) e contratou o polonês, considerado o 'novo Lewandowski'. Os Rossoneri pagaram 35 milhões de euros (R$150 milhões) e o jogador já estreou com o pé direito: nesta terça-feira, o Milan eliminou o Napoli da Copa da Itália, por 2 a 0. Os dois gols foram marcados por Piatek.

JOVEM INGLÊS

Solanke não teve espaço no Liverpool (Foto: Divulgação)

O Bounermouth foi ao mercado também nesta janela. O modesto clube inglês pagou 21,2 milhões de euros (R$ 90,5 milhões) para o Liverpool e anunciou a contratação do atacante Solanke. O jovem atacante se destacou na Copa do Mundo Sub-17 (2017), mas não alavancou nos Reds.

VOLANTE DO LEIPZIG

Haidara tem apenas 20 anos (Foto: Christof Stache / AFP)

O RB Leipzig também não ficou para trás e foi outro modesto clube a integrar a lista dos grandes investimentos. O clube alemão contratou o jovem volante de 20 anos, Amadou Haidara, que estava no RB Salzburg. O negócio foi de 19 milhões de euros (R$ 76 milhões)

JÓIA ESPANHOLA

Brahím Díaz é uma das promessas do futebol espanhol (Foto: Reprodução)

Formado na base do Manchester City, o atacante espanhol Brahím Díaz, tratado como joia do futebol da Espanha, assinou com o Real Madrid e deixou para trás os Citizens, onde não tinha muitas oportunidades. Os Merengues pagaram 17 milhões de euros (R$ 71 milhões) e Brahim se tornou o 7º jogador sub-20 mais caro da história do Real.

EMILIANO SALA

Sala se tornou a contratação mais cara da história do Cardiff (Foto: Divulgação)

Emiliano Sala ainda está desaparecido e não se tem notícias do avião em que o jogador estava. As buscas mobilizaram o mundo do futebol e o atacante estava indo para o País de Gales. O Cardiff pagou ao Nantes 17 milhões de euros (R$ 72 milhões) pelo jogador, que se tornou o atleta mais caro da história do clube.

REVELAÇÃO DO BOCA

Balerdi foi revelado pelo Boca Juniors (Foto: Divulgação)

O Borussia Dortmund integra a lista como vendedor, mas também como comprador. O clube alemão pagou 15,5 milhões de euros (R$ 66 milhões) pelo jovem zagueiro Leonardo Balerdi. O argentino tem 20 anos, é uma das promessas do futebol para o sistema defensivo e assinou por cinco temporadas.

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade