0

Vasco tenta reagir no terceiro quarto, mas perde para Paulistano no NBB

Equipe de Alberto Bial foi para o intervalo perdendo por 16 pontos, e, após grande desempenho no terceiro período, diminuiu para 5, mas não conseguiu resultado positivo

2 nov 2018
23h33
  • separator
  • 0
  • comentários

Vasco e Paulistano fizeram a partida que fechou a sexta-feira de rodada tripla no NBB (Novo Basquete Brasil), em São Januário. A equipe da casa foi superior no primeiro tempo, viu o Cruz-Maltino reagir no terceiro período, mas nada que fosse suficiente para uma reação, com o jogo terminando em 76 a 60 para o time paulista.

Léo Meindl, autor de 22 pontos, foi o principal jogador do duelo (Foto: Divulgação/NBB)
Léo Meindl, autor de 22 pontos, foi o principal jogador do duelo (Foto: Divulgação/NBB)
Foto: Lance!

A derrota representa o quarto tropeço do Vasco na competição após seis partidas disputadas. Na nona posição, a equipe de Alberto Bial retorna às quadras no próximo sábado, para enfrentar o Flamengo, na Arena Carioca 1.

O Paulistano, na sexta colocação na tabela, alcançou a quarta vitória após seis partidas disputadas na temporada do NBB. A equipe tem um compromisso na próxima quarta-feira, contra o Pinheiros, fora de casa.

Bom primeiro tempo da equipe visitante
O primeiro quarto ficou marcado por muitos erros do Vasco, que encontrava dificuldades para criar jogadas e achar atletas livres dentro de quadra, na seleção dos arremessos. O Paulistano, por sua vez, contou com seu conjunto, com destaques para Léo Meindl e Du Sommer, para vencer por 23 a 13.

No período seguinte, o Vasco continuou encontrando dificuldades para infiltrar na defesa do Paulistano, mas, por sua vez, também teve uma melhora no desempenho na primeira metade da quadra, o que ajuda a justificar o placar baixo do segundo período: 16 a 10 para a equipe paulista, que foi para o intervalo com uma vantagem de 16 pontos.

Reação vascaína bota esperanças em São Januário
Apesar da grande quantidade de pontos atrás no placar, o Vasco não desistiu e começou muito bem no terceiro período. O bom desempenho foi se tornando uma realidade e, com grande atuação de Lucão, um gigante no garrafão, o Cruz-Maltino conseguiu equilibrar a partida e o placar.

Em certo momento, sob a batuta de Gemerson, que marcou 13 pontos apenas no terceiro quarto, o Vasco conseguiu diminuir a vantagem do Paulistano para quatro pontos em certo momento do período, mas foi para os últimos dez minutos da partida perdendo por 52 a 47.

Desempenho não se repete
Apesar da festa em São Januário, com a torcida se animando por uma possível reação, o Vasco não conseguiu repetir a atuação do terceiro quarto - muito por conta da saída de Lucão, que se machucou, o que resultou em uma piora no desempenho defensivo Cruz-Maltino.

Desse jeito, quem se aproveitou foi o Paulistano, principalmente com Léo Meindl, que marcou oito pontos no quarto período, que voltou a dominar os dois lados da quadra e, por consequência, vencer a partida por 76 a 60.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade