0

Torcedor do Chelsea é banido por três anos após cânticos homofóbicos

Fã dos Blues admitiu a culpa e ainda teve que pagar multa de mais de R$ 4 mil

4 jan 2019
13h03
  • separator
  • 0
  • comentários

Um torcedor do Chelsea foi banido por três anos de jogos do clube por ter sido considerado culpado por entoar cânticos homofóbicos durante jogo contra o Brighton and Hove Albion. A partida ocorreu no dia 16 de dezembro e foi válida pelo Campeonato Inglês.

Duelo entre Brighton e Chelsea terminou com vitória dos Blues por 2 a 1 (Foto: AFP/GLYN KIRK)
Duelo entre Brighton e Chelsea terminou com vitória dos Blues por 2 a 1 (Foto: AFP/GLYN KIRK)
Foto: Lance!

Na última quinta-feira, George Bradley reconheceu que utilizou palavras abusivas, insultantes e ameaçadoras, ou comportamento causador de assédio, perturbação ou alarme, no Tribunal de Magistrados de Brighton.Além da proibição de assistir a jogos do Chelsea, o torcedor teve que pagar US$ 1.219 (R$ 4,61 mil).

- Gostaríamos de agradecer à Polícia de Sussex por sua assistência neste incidente repulsivo, e estamos muito satisfeitos com o desfecho. Ele ressalta tanto seu compromisso quanto o nosso com uma política de tolerância zero com qualquer forma de ofensa daqueles que assistem partidas no Amex - disse um porta-voz do Brighton, por meio de um comunicado.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade