PUBLICIDADE

Thomas Tuchel cita dificuldade para enfrentar o Porto e afirma não querer o Liverpool na semifinal

Técnico do Chelsea elogia os portugueses, fala que seu time fez partida segura e diz que Real Madrid ainda não está classificado: 'Esse jogo está longe de ter terminado'

13 abr 2021
18h59 atualizado às 23h45
0comentários
18h59 atualizado às 23h45
Publicidade

Após garantir a classificação para as semifinais da Champions League, o técnico Thomas Tuchel, do Chelsea, afirmou que sua equipe teve dificuldades de encarar o Porto. Apesar da derrota por 1 a 0, os Blues voltam a ficar entre os quatro melhores depois de sete anos.

Chelsea vai em busca do bicampeonato europeu (Foto: CRISTINA QUICLER / AFP)
Chelsea vai em busca do bicampeonato europeu (Foto: CRISTINA QUICLER / AFP)
Foto: Lance!

- Aceitamos o que era necessário. Foi uma luta dura, muito dura. Pode não ter sido o melhor jogo para assistir na TV, mas do lado de fora foi um jogo muito intenso, um jogo muito rápido. Foi muito difícil jogar contra eles e escapar da pressão - disse Tuchel para a "BT Sport".

- O Porto é uma equipe que consegue fazer os outros times apresentarem um desempenho inferior, aconteceu na fase de grupos e contra a Juventus. Mas parte de uma exibição é não deixar os outros jogarem e fizemos isso. Até o tiro de sorte no último minuto, não perdemos nenhuma chance - completou.

Nas semifinais, o Chelsea encara o vencedor de Real Madrid e Liverpool. Podendo ter um confronto doméstico, o alemão citou que não gosta de enfrentar times do mesmo país.

- Não desejo nada, mas, em geral, na Champions League, gosto de não jogar contra equipas da própria liga. Esse jogo está longe de ter terminado, vou assistir e é um prazer assisti-lo como semifinalista. Tudo é possível, o Liverpool é muito forte em casa - finalizou.

Lance!
Publicidade
Publicidade