0

'Soluções não são tão simples de acontecer', diz Fernando Miguel

Em 'live' nesta segunda-feira, goleiro reconhece que panorama do Cruz-Maltino é desafiador e destaca o elenco: 'Tem de valorizar o empenho de cada um'

18 mai 2020
21h16
atualizado às 21h25
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O goleiro Fernando Miguel não mediu palavras ao falar sobre as dificuldades financeiras que o Vasco atravessa. Em "live" promovida pelo canal de YouTube "Atenção, Vascaínos", o jogador de 35 anos apontou que o cenário ficará ainda mais desafiador diante da pandemia do novo coronavírus.

Camisa 1 manifestou desejo de estender sua história no Vasco (Rafael Ribeiro/Vasco)
Camisa 1 manifestou desejo de estender sua história no Vasco (Rafael Ribeiro/Vasco)
Foto: Lance!

- Sabemos que as soluções não são simples de acontecer. Procuramos facilitar a vida do clube, mas cientes de que este ano será muito difícil, diante deste momento que a humanidade tem enfrentado. De qualquer forma, temos de valorizar o empenho de todos os jogadores. Acredito que aquele que trabalha, que luta, pode crescer. Este grupo tem um potencial muito grande - afirmou.

O camisa 1 falou como tem sido o diálogo sobre as pendências salariais com o Cruz-Maltino.

- Tínhamos um diálogo mais centralizado quando era com o Vanderlei Luxemburgo, pois é o perfil dele. O Abel (Braga) tinha um perfil diferente, e o acordo ficou entre diretoria e atletas. Eu não tenho contato com o presidente. O Castan que direciona isso. Passamos a dificuldade que tem batido à porta de todos. Enquanto uns têm situações financeiras bem encaminhadas, outros jogadores estão iniciando agora, buscando melhores momentos. É preciso equilíbrio e achar soluções para amenizar os problemas que temos - declarou.

O jogador de 35 anos manifestou seu desejo de continuar na Colina.

- Assim que voltar aos trabalhos, com maior segurança, vamos nos reunir e perceber como estão as coisas. Mas se fosse para sair, já teria acontecido no início do ano. Recebi propostas mais vantajosas financeiramente, mas minha vontade sempre foi a renovação, seguir no Vasco. Quero fazer parte desta reconstrução do Vasco, e colaborar ao máximo possível - disse.

A SITUAÇÃO SALARIAL DO VASCO

Entre as pendências salariais, a diretoria cruz-maltina tem:

- Fevereiro, março e abril para os jogadores que recebem salários mais baixos
- As quatro folhas salariais de 2020, para jogadores de salários mais elevados
- Março e abril, para funcionários que recebem até R$ 1.800.
- Parte de janeiro e, por inteiro, fevereiro, março e abril para funcionários que recebem mais de R$ 1.800.
- Valores de 2019 relativos a direitos de imagem ou pagamentos a pessoa jurídica.

Veja também:

Editor do L! analisa retorno de Fred ao Fluminense
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade