0

Sem Mbappé, PSG encara o Angers em confronto direto no Francês

Ainda com dores na coxa esquerda, atacante francês está fora da partida deste sábado, no Parc des Princes, enquanto Cavani é dúvida. Partida vale a liderança do Francês

4 out 2019
19h09
  • separator
  • 0
  • comentários

O Paris Saint-Germain tem desfalques importantes para encarar o Angers, neste sábado, às 12h30 (horário de Brasília), no Parc des Princes, em confronto direto pela liderança do Campeonato Francês. O técnico Thomas Tuchel não vai contar com Mbappé, que sentiu, novamente, dores na coxa esquerda. O treinador disse que ele ficará fora por precaução.

Icardi deve ser titular ao lado de Neymar (Divulgação/PSG)
Icardi deve ser titular ao lado de Neymar (Divulgação/PSG)
Foto: Lance!

- Kylian não vai poder jogar amanhã (sábado). Está machucado de novo. Não é uma recaída, é uma reação entre a cicatriz do estiramento prévio do músculo da coxa do jogador e o nervo. Quando ele sente isso, não se sente livre em seus movimentos, e isso afeta seu jogo - disse Tuchel, em entrevista coletiva, nesta sexta-feira.

Além de Mbappé, o PSG pode ter outro problema para a partida. O atacante Cavani é dúvida devido a dores no quadril. O uruguaio foi, inclusive, cortado da seleção do seu país para os amistosos de outubro.

- Não sei sobre 'Edi'. Ele participou do treino de ontem conosco e não sentiu dores mas me disse que não está 100% confortável. Ele não sente dores, mas não está se sentindo completamente livre.

Assim, Neymar e Icardi devem formar a dupla de ataque do PSG, líder do Campeonato Francês com 18 pontos, contra o Angers, segundo colocado com 16. O técnico do time parisiense espera muita dificuldade para a partida da nona rodada do campeonato.- Eles ganharam muitos jogos, marcaram muitos gols, o que significa que estão confiantes. Então é importante nos prepararmos para este jogo em detalhes e manter o foco. Promete ser uma boa partida. Esta equipe é muito equilibrada, forte nos contra-ataques, mereceram os seus pontos. Será uma partida complicada, precisamos estar muito concentrados. eles têm um forte trabalho coletivo. Sabemos que será muito difícil para nós - finalizou Tuchel.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade