0

Sampaoli cobra Atlético-MG sobre atrasados e aumenta atritos

O treinador argentino teria até ameaçado deixar o cargo antes do fim do Brasileiro se a situação não foi resolvida

15 set 2020
13h26
atualizado às 14h56
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

A relação entre Jorge Sampaoli e a diretoria do Atlético-MG parece desgastada. O treinador argentino tem feito cobranças frequentes por reforços para o time. Mas, ainda há outros pedidos do técnico, referentes a atrasos de salários no clube.

O treinador argentino tem feito cobranças fortes à diretoria por reforços e para que os salários fique em dia-(Bruno Cantini/Atlético-MG)
O treinador argentino tem feito cobranças fortes à diretoria por reforços e para que os salários fique em dia-(Bruno Cantini/Atlético-MG)
Foto: LANCE!

Sampaoli estaria insatisfeito e até ameaçou deixar o cargo no clube alvinegro mineiro em dezembro. Seu contrato é válido até o fim de 2021. A informação foi veiculada pela Rádio 98FM e confirmada pelo LANCE!.

O Atlético-MG tem dois meses de atrasos salariais com o grupo de jogador, gerando questionamentos por parte do técnico à diretoria.

O último atrito entre o argentino e diretoria foi a não contratação de Thiago Neves, um pedido do técnico, que não foi confirmado pela alta rejeição da torcida alvinegra.

Desde que chegou ao clube, no início de março, Jorge Sampaoli tem sido um "cobrador" constante da diretoria por reforços que estejam de acordo com a sua visão de futebol.

Até agora o time mineiro já gastou mais de R$ 100 milhões com reforços pedidos pelo técnico, que foram possíveis graças aos aportes do principal patrocinador do clube, a MRV Engenharia, que tem ajudado o clube nos negócios.

Veja também:

Editor do L! analisa os destaques e decepções do primeiro turno do Brasileiro
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade