2 eventos ao vivo

Restrição a entrada de estrangeiros no Brasil atrasa chegada de Alan Franco ao Galo para o mês de julho

A restrição foi prorrogada por mais 15 dias pelo governo brasileiro, impedindo a entrada de pessoas de outras nacionalidades no Brasil

22 jun 2020
17h10
atualizado às 17h12
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O segundo reforço anunciado pelo Atlético-MG, o meio de campo Alan Franco, contratado junto ao Independiente Del Valle-EQU, vai demorar um pouco mais para se apresentar ao alvinegro. Franco não veio para o Brasil por conta das restrições para a entrada de estrangeiros no país por conta da pandemia do novo coronavírus.

A restrição do governo brasileiro foi ampliada em mais 15 dias e o equatoriano de 21 anos só poderá desembarcar na Cidade do Galo no mês de julho. A restrição é apenas para estrangeiros, já que o zagueiro Bueno veio do Japão, mas de origem brasileira.

Alan Franco fechou com o Galo por quatro temporadas-(Divulgação/Independiente Del Valle)
Alan Franco fechou com o Galo por quatro temporadas-(Divulgação/Independiente Del Valle)
Foto: Lance!

A medida restritiva para a vinda de estrangeiros ao país foi publicada em uma edição extra do "Diário Oficial da União" na noite de sábado, 20 de junho, tendo uma recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para não permitir a entrada de pessoas de outras nacionalidades.

Alan Franco foi confirmado como reforço do Atlético o dia 3 de junho em venda anunciada pelo Independente de Vale. Seu contrato será de quatro anos com a equipe alvinegra .

O Atlético-MG já reforçou o seu elenco cinco contratações para a temporada: o volantes Léo Sena, ex-Goiás, o meia Alan Franco, ex-Independiente Del Valle; os atacantes Marrony, ex-Vasco, e Keno, que estava emprestado ao Al Jazira; e o zagueiro Bueno, ex-Kashima Antlers.

Veja também:

Veja as principais revelações que saíram do CT do São Paulo
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade