0

Real sofre, segura placar e fica a uma vitória do título

Equipe de Zidane começou primeiro tempo de forma fulminante, mas Granada equilibrou partida no segundo tempo, descontou o marcador e quase empatou com os merengues

13 jul 2020
18h55
atualizado às 19h02
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Real Madrid abriu 2 a 0, sofreu um gol no início da segunda etapa, foi pressionado pelo Granada fora de casa, mas conseguiu uma vitória muito importante que deixa a equipe de Zidane a um resultado positivo de conquistar o título do Campeonato Espanhol. A equipe recebe o Villarreal nesta quinta-feira para erguer a taça.

Fulminante

O Real Madrid começou com tudo na partida e aos nove minutos, em bela jogada individual de Mendy, que combinou velocidade e força física, conseguiu ganhar da zaga do Grana e finalizar quase sem ângulo para o fundo das redes. O ataque seguinte foi uma linda jogada trabalhada entre Isco, Modric e Benzema, que recebeu do croata, limpou a zaga e abriu 2 a 0.

Real Madrid sofreu, mas conseguiu vitória chave contra o Granada (Foto: JORGE GUERRERO / AFP)
Real Madrid sofreu, mas conseguiu vitória chave contra o Granada (Foto: JORGE GUERRERO / AFP)
Foto: LANCE!

Equilíbrio

Após a pausa para a hidratação, o Granada tentou equilibrar as ações e colocou Courtois para fazer linda defesa aos 35 minutos após cabeçada do zagueiro Duarte. Já os merengues quase ampliaram o marcador com o francês após receber bom passe de Modric e finalizar para bela defesa de Rui Silva.

Pinta de campeão

O Granada voltou melhor na segunda etapa e diminuiu o placar logo aos quatro minutos de jogo após falha de Casemiro e rápido ataque montado para Machis finalizar sem chances para Courtois. Sem conseguir jogar, os merengues sofreram e quase sofreram o empate em dois ataques seguidos com linda defesa do goleiro belga e com Sérgio Ramos salvando o time e tirando chute do rival em cima da linha.

Veja também:

Colunista do L! alerta para privilégio de torcida organizada em jogo do Palmeiras
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade