7 eventos ao vivo

Preparador traça meta de 5 jogos para atletas do Botafogo estarem em bom ritmo físico

Em entrevista coletiva, Felippe Capella afirma que jogadores do Alvinegro vão adquirir desempenho competitivo fisicamente no decorrer da Taça Guanabara

24 jan 2020
13h50
  • separator
  • 0
  • comentários

O Botafogo "abriu mão" das duas primeiras rodadas do Campeonato Carioca para uma pré-temporada mais longa visando um alto rendimento em 2020. O hotel-fazenda China Park, em Domingos Martins, na região serrana do Espírito Santo, foi o local escolhido para que os jogadores ficassem concentrados por 12 dias. Na última quinta-feira, Felippe Capella, preparador físico do Alvinegro, elogiou a estrutura do local.

Além disto, o membro da comissão técnica do Botafogo admitiu que os jogadores, apesar do tempo que passaram longe do Rio de Janeiro, ainda não estão no auge físico. Capella afirmou que o prazo para os jogadores entrarem um ritmo ideal de jogo é de cinco jogos.

- É um clima melhor, são os atletas o tempo inteiro sob os nossos olhares, faz diferença, saldo superpositivo nesse período que ficamos aqui (no China Park). Tem individualidade do atleta, que precisamos respeitar, mas a gente trabalha sempre com número ideal de começarem a desempenhar de maneira eficaz a parte física deles em 5 jogos. Alguns vão soltar um pouco antes, outros depois, mas sempre trabalhamos com esse número de 5 jogos. Dar uma base física para esses atletas nesse primeiro momento, que é fundamental para o restante da temporada. Conseguir realmente trabalhar forma física, lado técnico e tático, ter um período maior de preparação. Não é só para o Estadual, tem também Copa do Brasil e Brasileiro. Com certeza vai fazer muita diferença lá na frente - afirmou Capella.

Alberto Valentim é o treinador do Botafogo (Foto: Divulgação/Botafogo)
Alberto Valentim é o treinador do Botafogo (Foto: Divulgação/Botafogo)
Foto: Lance!

Felippe Capella (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Gringos
Uma das apostas do Botafogo para a temporada, o peruano Alexander Lecaros chama a atenção pela velocidade e por ser pequeno - o atleta possui 1,67m de altura. Felippe Capella afirmou que, desde a reapresentação, o departamento médico do clube faz trabalhos específicos para fortalecer o atacante no aspecto físico.

- A gente já faz as avaliações no primeiro dia para conseguir definir essas metas, ele (Lecaros) é um menino jovem ainda, não precisa nem da avaliação pra ver que ele é um pouco franzino. Mas isso a nutrição já está trabalhando em cima, a fisiologia, a preparação física. Ele já conseguiu nesse primeiro momento ter um ganho, mínimo ainda, mas teve ganho de massa magra e o processo continuando com certeza ele vai conseguir melhorar nesse aspecto - comentou.

O caso de Federico Barrandeguy é diferente. O lateral-direito chegou ao Botafogo no decorrer da pré-temporada vindo do Montevideo Wanderers e não acompanhou todos os trabalhos feitos pelo departamento de futebol. Felippe Capella afirma que os primeiros dias são marcados pela adaptação.

- O Federico se apresentou e se integrou efetivamente no sábado. Ele fez seis sessões de treinamento específico antes de ser inserido no grupo ontem (quarta-feira). Já trabalhou de maneira integral. A mesma situação que vale para o Lecaros, vale para ele. É um período de adaptação. A gente consegue ver que eles estão muito focados em acelerar esse processo e se adequar o quanto antes a nossa realidade - finalizou Capella.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade