0

Por vetar fiscalização da Vigilância Sanitária no CT, Flamengo é multado

Fiscais da Subsecretaria de Vigilância Sanitária e da Coordenadoria de Licenciamento e Fiscalização da Secretaria Municipal da Fazenda não puderam entrar no Ninho do Urubu

22 mai 2020
14h43
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Por vetar a entrada de fiscais da Subsecretaria de Vigilância Sanitária e da Coordenadoria de Licenciamento e Fiscalização da Secretaria Municipal da Fazenda no CT George Helal, o Ninho do Urubu, o Flamengo foi multado em R$ 2.967,00 pela Prefeitura por desrespeitar o Código Sanitário do município.

Procedimentos sanitários foram adotados pelo clube no CT do Ninho do Urubu (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)
Procedimentos sanitários foram adotados pelo clube no CT do Ninho do Urubu (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)
Foto: Lance!

A informação é do blog do Ancelmo Gois, do jornal "O Globo". O veto ocorreu nesta quinta-feira em função da denúncia de descumprimento ao decreto municipal que impede atividades esportivas enquanto durar a pandemia.

Na segunda-feira, o elenco profissional do clube passou por uma segunda rodada da exames no CT e, desde então, tem treinado com bola e em dois campos do Ninho do Urubu, apesar de não ter a autorização dos órgãos governamentais para isso. A Prefeitura do Rio havia liberado apenas o trabalhado de fisioterapia para os atletas em processo de recuperação.

Veja também:

DIÁRIO L! DA COPA DE 70: a repercussão da vitória da Seleção sobre os tchecos na estreia do mundial
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade