4 eventos ao vivo

Por conta de convocação, Pedro pode perder cinco jogos pelo Fluminense

Atacante foi chamado para a disputa do Torneio de Toulon, que bate de frente com sequências decisivas na Copa do Brasil e Sul-Americana, além de jogos do Brasileirão

15 mai 2019
13h35
atualizado às 13h35
  • separator
  • 0
  • comentários

A convocação de Pedro pode se tornar um problema para o Fluminense. Nesta quarta-feira, André Jardine chamou o atacante para a disputa do Torneio de Toulon, na França, que começará no dia 1 de junho. Desta forma, o atleta pode desfalcar o Tricolor em até cinco jogos, antes da parada da Copa América.

Pedro marcou dois gols na temporada (Foto: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.)
Pedro marcou dois gols na temporada (Foto: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.)
Foto: Lance!

Como a seleção se apresenta ao treinador das categorias de base no dia 27 de maio, Pedro se despediria do Fluminense depois da partida contra o Bahia, no dia 26, pelo Campeonato Brasileiro, na Arena Fonte Nova. Depois do duelo diante do Tricolor de Aço, porém, o clube das Laranjeiras entrará em campo contra Atlético Nacional e Cruzeiro, pelos confrontos da volta pela Copa Sul-Americana e Copa do Brasil, respectivamente.

Jogos que Pedro desfalcaria o Fluminense pela convocação:
29/05: Atlético Nacional (Volta - Copa Sul-Americana)
02/06: Athletico Paranaense (Campeonato Brasileiro)
05/06: Cruzeiro (Volta - Copa do Brasil)
08/06: Flamengo (Campeonato Brasileiro)
12/02: Chapecoense (Campeonato Brasileiro)

Liberação
Uma equipe é obrigada a liberar um jogador quando o período de data Fifa está ativo. Nesse caso, o espaço para jogos de seleção começa no dia 6 de maio - ou seja, o Fluminense pode, oficialmente, segurar a convocação de Pedro até esta data.

O dia, porém, representa a metade do Torneio de Toulon, que acaba apenas no dia 15 de junho. Desta forma, caberia a André Jardine, treinador da Seleção, em contar com um jogador com o torneio em andamento. O Fluminense ainda não acenou com nenhum pedido de liberação formal de Pedro junto à CBF.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade