0
Logo do São Paulo
Foto: Marcos Bezerra / Futura Press

São Paulo

Para Sidão, São Paulo recuou demais no empate contra o Vasco no Rio

Goleiro do Tricolor reclamou da postura do time que culminou com o gol sofrido em São Januário. Hernanes fala em conquistar mais dois pontos para atingir meta contra a queda

12 nov 2017
19h45
atualizado em 13/11/2017 às 11h48
  • separator
  • comentários

A postura do São Paulo depois que abriu o placar no empate por 1 a 1 contra o Vasco neste domingo não agradou ao goleiro Sidão. Depois da partida, ele comentou sobre ter tido muito trabalho no jogo e atribuiu ao um recuo excessivo, principalmente na segunda etapa. Marcos Guilherme abriu o placar aos 39 minutos do primeiro tempo e Caio Monteiro empatou aos 30, do segundo.

Sidão ao fundo, na comemoração do gol de Caio Monteiro (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)
Sidão ao fundo, na comemoração do gol de Caio Monteiro (Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)
Foto: LANCE!

- Acho que sim (recuou demais), acho que tínhamos condições de colocar a bola no chão. Mas acho que a gente aceitou muito, recuou muito e por isso meu nome foi muito falado - afirmou o arqueiro.
Com o empate, o São Paulo chegou a 45 pontos e ficou a dois pontos de atingir a meta estipulada pelo grupo para escapar de vez do rebaixamento. Para Hernanes, é esse o foco principal do time, que se distanciou mais da zona de classificação para a Libertadores. O Flamengo, com 50 pontos, é o primeiro da zona.

- Estamos com 45 pontos, temos de se preocupar ainda com nossa performance, para atingir os tão sonhados 47 pontos, para alcançarmos de vez do descenso - afirmou o Profeta.

O Tricolor volta a campo na próxima quarta-feira contra o Grêmio na Arena do Grêmio. A equipe se reapresenta nesta segunda-feira à tarde.

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade