0
Logo do Palmeiras
Foto: terra

Palmeiras

Palmeirenses 'cornetam' arbitragem, mas confiam em virada no Mineirão

Antonio Carlos, Edu Dracena e Moisés, lembraram de recomendação dada antes do jogo que não foi seguida pelo árbitro. Todos confiam na classificação à final da Copa do Brasil

13 set 2018
01h18
atualizado às 01h18
  • separator
  • comentários

Como se não bastasse a lamentação pela derrota por 1 a 0 para o Cruzeiro na partida de ida da semifinal da Copa do Brasil, jogadores e torcedores do Palmeiras saíram do Allianz Parque insatisfeitos com a atuação da arbitragem, que acabou prejudicando o time no última lance do jogo. Apesar de reconhecer a atuação do rival e confiar na reversão do placar, os personagens não esconderam suas reclamações.

Um dos atletas que falaram foi Antonio Carlos, autor do gol anulado que, na verdade, foi um lance interrompido pelo árbitro Wagner Reway antes de o zagueiro concluir, evitando que o ocorrido pudesse ser revisado pelo VAR. Para ele, houve claro prejuízo para o Verdão.

- Se eu não me engano, quando apita já não pode mais analisar, então eu acho que a orientação que eles passaram, não vale de nada, e isso realmente nos prejudicou, porque foi um gol legal. ele estava muito consciente, muito certo de que tinha sido falta, e eu acho que todos vocês viram que não foi falta, então realmente fomos prejudicados, mas já passou, agora temos que trabalhar bastante para pegar o Bahia, e depois chegar forte para tentar reverter esse placar lá no Mineirão - declarou Antonio Carlos.

Edu Dracena foi outro que se manifestou em relação ao lance em que Reway apitou falta. Para a arbitragem, Edu deslocou Fábio no ar e cometeu infração no goleiro, algo que não exisitiu. O experiente zagueiro afirmou que o árbitro agiu contra uma recomendação dada aos jogadores previamente.

- Antes do início do jogo foram até o nosso vestiário e deram a orientação para que não parássemos no lance, tanto em lance de impedimento, de falta, porque o VAR dá um apoio ao árbitro. Foi isso que aconteceu, em vários lances a gente seguiu na jogada. Na minha opinião ele se precipitou no momento do apito, porque poderia muito bem ter o auxílio do VAR. Se tivesse havido falta, marca e segue o jogo - disse Dracena, antes de completar.

- Acho que poderia ser um resultado diferente do que foi hoje, poderia ter mudado uma classificação, mas temos que ressaltar que o time jogou, apesar de ter perdido, o time batalhou, tivemos inúmeras chances de ter chutado uma bola ou outra, então acho que foi um lance capital que pode nos custar uma classificação - concluiu.

Moisés também não escondeu sua revolta com a arbitragem e pontuou os motivos de sua reclamação, como pode ser visto no vídeo a seguir.

Edu Dracena esteve envolvido em lance polêmico e criticou decisão da arbitragem (Foto: Luis Moura / WPP)
Edu Dracena esteve envolvido em lance polêmico e criticou decisão da arbitragem (Foto: Luis Moura / WPP)
Foto: LANCE!

O Palmeiras volta a campo neste domingo, às 16h, para enfrentar o Bahia, na Arena Fonte Nova. O jogo é válido pela 25ª Rodada do Brasileirão-2018.

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade