0

Odair Hellmann cutuca técnico do Juventude após confusão no clássico

Treinador não gostou da postura de Luíz Carlos Winck, que impediu Pottker de repor a bola em jogo e causou uma grande briga entre os atletas

11 fev 2019
15h46
atualizado às 15h46
  • separator
  • comentários

No último domingo, o Internacional foi até o Alfredo Jaconi e derrotou o Juventude por 2 a 1. Porém, além da vitória Colorada, uma cena grotesca entre atletas das duas equipes que trocaram socos por conta de uma confusão, roubou a atenção dos torcedores do estádio.Na entrevista coletiva, o técnico Odair Hellmann preferiu não se aprofundar na polêmica, mas deixou claro a sua insatisfação com a atitude de Luiz Carlos Winck, comandante do rival e um dos que iniciaram a confusão.

Divulgação Internacional
Divulgação Internacional
Foto: Lance!

'Com todo respeito e educação, a única coisa que vou falar é: infelizmente perdemos o Nico, que estava bem no jogo em função diferente. Do restante, temos que dar mais valor ao futebol, ao jogo, e parar de valorizar isso', disparou.

'Cada um responde pelos seus atos. Eu vim para cá preocupado com uma equipe que jogasse o seu melhor futebol possível', completou.

Entenda o caso

Na casa dos 42 minutos da etapa inicial, o goleiro do Juventude saiu da área para afastar um lançamento e mandou a bola para a lateral. Assim que viu o rival fora da meta, William Pottker tentou repor a bola rapidamente, mas foi impedido pelo técnico Luiz Carlos Winck.

Diante do fato, os jogadores das duas equipes começaram a trocar empurrões até que Nico López pelo lado do Inter e Victor Salinas trocaram socos. Após a confusão acalmar, a arbitragem expulsou os dois jogadores e o comandante Jaconero.

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade