0

No sufoco, Magnus vence o Joinville e vai às semifinais da LNF

Time de Sorocaba venceu o primeiro confronto por 4 a 2, mas perdeu por 6 a 2 em Santa Catarina e foi salvo pelo gol de Marcel no último minuto da prorrogação

11 nov 2018
10h41
  • separator
  • 0
  • comentários

Após vencer o Joinville pelo placar de 4 a 2 no primeiro confronto das quartas de final, o Magnus chegou em Santa Catarina confiante para a decisão da fase, porém, o otimismo logo se transformou em tensão. Em partida realizada na noite deste sábado, o Tricolor deu o troco com vitória por 6 a 2 e o time sorocabano só conseguiu respirar graças ao único gol marcado na prorrogação.

Magnus comemora vitória e classificação para as semifinais da LNF. O adversário da fase será o Pato (Foto: Divulgação Magnus Futsal)
Magnus comemora vitória e classificação para as semifinais da LNF. O adversário da fase será o Pato (Foto: Divulgação Magnus Futsal)
Foto: Lance!

Com o resultado, o Magnus garantiu a vaga nas semifinais e terá o Pato como adversário na fase, que ainda não tem data marcada. Enquanto isso, a equipe de Sorocaba volta suas atenções para a partida contra a ADC Intelli, que acontece às 20h da próxima terça-feira, pela Liga Paulista.
O JOGO
A partida foi disputada durante todo o tempo regulamentar e a marcação se mostrava forte dos dois lados, porém foram os paulistas que abriram o placar. No lance, Marcel achou Foglia em contra-ataque e o camisa 81 mandou para o fundo das redes. Na sequência, Bruno aproveitou rebote e empatou o jogo. A virada veio logo depois, com marca de Raul, que recebeu a bola na entrada da área e só empurrou para o gol.

Nesta etapa, o nervosismo do Magnus já era visível e a situação da equipe ficou ainda mais complicada quando chegou à sexta falta. Na cobrança da marca de 10 metros, Thiaguinho chutou no canto e fez o terceiro. O camisa 20 ainda conseguiu receber bem um cruzamento próximo da área para carimbar o quarto tento antes do encerramento da primeira etapa.

Na volta para o segundo tempo, a partida seguiu intensa. Na tentativa de reverter o placar, o goleiro do time sorocabano dividiu sua atuação entre a meta e a linha durante os vinte minutos. Porém, novamente o Joinville foi feliz, com Leco aproveitando roubada de bola para chutar de longe. Eder Lima ainda conseguiu reduzir a diferença, mas Sinésio marcou o sexto para os donos da casa.

Com a vitória do time catarinense no tempo normal, o jogo seguiu para a prorrogação. Ciente de que o empate daria a classificação ao Joinville, o Magnus passou a exercer uma grande pressão sobre o goleiro William, que manteve o placar zerado até o último minuto do segundo tempo, quando Pixote lançou a bola para Marcel, que estava livre e marcou.

Pressionado pela torcida, o Joinville repetiu a tática do goleiro-linha utilizada pelo adversário e criou uma boa chance em chute cruzado que foi defendido por Thiago. Faltando 21 segundos para o fim da partida, os catarinenses ainda tentaram acertar a meta duas vezes, mas não obtiveram sucesso e o apito final foi dado com festa da equipe sorocabana.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade