2 eventos ao vivo

Na 'Era Guto', Chapecoense tem baixo rendimento e vê fantasma do Z4

Treinador do Verdão do Oeste tem duas vitórias, um empate e seis derrotas. Com isto, equipe catarinense entra na zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro

2 out 2018
08h18
  • separator
  • 0
  • comentários

O técnico Guto Ferreira foi contratado para reorganizar e melhorar os resultados da Chapecoense, mas não é isso que o torcedor está vendo. A "Era Guto" apresenta dez partidas no Campeonato Brasileiro, com duas vitórias, um empate e seis derrotas computadas. Com este baixo rendimento, a equipe entrou na zona de rebaixamento e situação se complica.

Guto Ferreira tem apenas duas vitórias sob o comando da Chapecoense (Foto: Sirli Freitas/Chapecoense)
Guto Ferreira tem apenas duas vitórias sob o comando da Chapecoense (Foto: Sirli Freitas/Chapecoense)
Foto: Lance!

A Chapecoense está na 18ª posição, com 28 pontos somados. Para conseguir se livrar, matematicamente, é preciso chegar aos 46. A missão de Guto Ferreira será complicada até a última rodada do Brasileirão.

O treinador até começou bem em sua caminhada pelo clube ao vencer o Corinthians, líder na época. Isto, deu ânimo aos torcedores e jogadores, mas a sequência de derrotas em seguida diminuíram às esperanças de recuperação.

Ao enfrentar São Paulo, Flamengo, Vasco e Palmeiras, a equipe não demonstrou chance de reação e acabou amargando nos embates. Depois disso, ressalvas para o treinador, com dois triunfos sobre Atlético-PR e Internacional.

O ambiente leve em Chapecó durou pouco. Nos dois últimos jogos, o revés foi encontrado e a situação piorou. Em casa, perdeu a hegemonia sobre o Fluminense, e contra o Ceará, a Chape permitiu a virada para 3 a 1.

- Futebol é um jogo psicológico, o tempo todo você está entre acertos e erros. Quando erra, você tem que se recuperar rapidamente e não foi o que aconteceu - disse o comandante em coletiva.

A "Era Guto" não está deixando um bom legado. O time corre risco de rebaixamento e se ocorrer pode ser o primeiro do clube na história. Os torcedores já começam a se preocupar, já que faltam apenas 11 confrontos para o término.

Em comparação com a passagem do ex-treinador, Gilson Kleina, a equipe teve 17 partidas no Brasileirão, com três vitórias, nove empates e cinco derrotas. Fora eliminação da Copa do Brasil e Copa Libertadores.

VEJA OS PRÓXIMOS JOGOS DA CHAPECOENSE NO BRASILEIRÃO:

Atlético-MG - casa
Vitória - casa
Cruzeiro - fora
América-MG - casa
Bahia - fora
Santos - fora
Botafogo - casa
Grêmio - fora
Sport - casa
Corinthians - fora
São Paulo - casa

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade