5 eventos ao vivo

Mussa protocola na Secretaria do Vasco ata das eleições do dia 14/11

Em mais um capítulo da tumultuada eleição do Vasco, presidente da Assembleia Geral, Faues Mussa, protocolou o pleito on-line com a presença de 455 votos de anistiados

16 nov 2020
20h39
atualizado às 20h43
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

Em mais um capítulo da tumultuada eleição do Vasco, o presidente da Assembleia Geral, Faues Cherene Jassus, o Mussa, protocolou na secretaria do clube no fim da tarde desta segunda (16) a ata do pleito realizado no último sábado (14). Na votação realizada de maneira remota (on-line), o candidato Jorge Salgado, da chapa (Mais Vasco) foi o mais votado com 1682 votos.

Mussa protocolou a ata do pleito on-line realizado no último sábado, dia 14 de novembro (Foto: David Nascimento)
Mussa protocolou a ata do pleito on-line realizado no último sábado, dia 14 de novembro (Foto: David Nascimento)
Foto: Lance!

De acordo com o documento divulgado, a eleição on-line contou os votos dos anistiados. Com isso, dos 3054 votos no total, 455 votos foram de anistiados, com 245 para Jorge Salgado e 207 para Júlio Brant, segundo colocado, da chapa (Sempre Vasco).

Ainda segundo o documento, composto por 14 páginas, existe em anexo um relatório da empresa The Perfect Link, auditoria contratada pela chapa "Mais Vasco" para examinar o pleito do último sábado. Além de Mussa, assinaram a ata os secretários Ricardo Seixas Figueiredo e Felipe Carregal Stajnbox, que faziam parte da mesa diretora da eleição do último sábado.

Eleição do dia 7 também foi protocolada na secretaria

Mais cedo, a eleição presencial realizada no dia 7, em São Januário, também foi protocolada na secretaria do Vasco. Após consulta ao departamento jurídico do clube, o atual mandatário Alexandre Campelllo deu sequência ao processo do documento assinado por Alcides Martins, vice-presidente da Assembleia Geral, citado no mesmo como "presidente em exercício da AG" foi protocolado.

Além de Alcides Martins, outros presidentes de poderes do Vasco assinaram a ata. Roberto Monteiro, presidente do Conselho Deliberativo, Sérgio Romay, vice do Deliberativo, e Silvio Godói, presidente do Conselho de Beneméritos. O mais votado deste pleito foi o candidato da chapa (Somamos), Leven Siano, com 1155 votos.

De acordo com a visão deles, a ausência da assinatura de Faués Cherene Jassus, o Mussa, presidente da Assembleia Geral, aconteceu, pois ele deixou São Januário antes do fim da votação (dia 7) após a chegada da decisão judicial, que determinou a suspensão da eleição.

Veja também:

Estudo mostra os clubes que mais faturaram grana da TV de 2010 a 2019
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade