0

Mike Tyson diz que usou maconha antes de luta em 2000

Em entrevista na última quarta-feira, o ex-lutador admitiu ter fumado a droga horas antes de enfrentar o polonês Andrew Golota

14 dez 2018
15h20
atualizado às 16h27
  • separator
  • 0
  • comentários

Em entrevista ao o programa de rádio "Dan Patrick Show", na última quarta-feira, o ex-lutador Mike Tyson admitiu ter fumado maconha horas antes da luta contra o polonês Andrew Golota, em 2000.

À época, ele testou positivo para a substância no exame antidoping e foi multado em US$200 mil (cerca de R$780 mil), além de ter tido a vitória contestada.

Mike Tyson admitiu ter usado maconha antes de luta em 2000 (Foto: AFP)
Mike Tyson admitiu ter usado maconha antes de luta em 2000 (Foto: AFP)
Foto: LANCE!

Tyson também confessou na entrevista que faz uso da droga durante quase toda a vida, mas que aquela foi a única vez que fumou antes entrar no ringue. Atualmente, o ex-pugilista tem investido no mercado da maconha em Los Angeles, na Califórnia, Estado americano onde o comércio é legalizado desde 2016.

Questionado pelo apresentador se a droga teria afetado seu desempenho, o ex-campeão mundial negou e brincou: "Isso afetou Golota". Tyson venceu a luta por nocaute técnico, depois de vencer os dois primeiros rounds e o polonês se recusar a voltar para o terceiro round.

Veja também:

The Live Show: Cortez recebe Daniel Zukerman, do Pânico
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade