PUBLICIDADE

Marcelo Cabo vê 'dois tempos distintos' do Vasco e afirma: 'No intervalo, nos ajustamos bem'

Em coletiva após vitória cruz-maltina por 3 a 1 sobre o Resende, comandante enaltece adversário e destaca Germán Cano: 'Profissional que vem nos ajudando bastante'

24 abr 2021 19h06
| atualizado às 19h48
ver comentários
Publicidade

A maneira como o Vasco soube evoluir em campo foi vista como o fator mais relevante na vitória por 3 a 1 sobre o Resende, neste sábado, em São Januário. Em entrevista coletiva, o comandante exaltou que a equipe soube acordar após "dois tempos distintos".

Técnico valorizou espaço dedicado para testar a base (Foto: Reprodução/Vasco TV)
Técnico valorizou espaço dedicado para testar a base (Foto: Reprodução/Vasco TV)
Foto: Lance!

- A gente entrou muito desconcentrado. Tivemos dois tempos muito distintos: um primeiro tempo muito aquém e um segundo tempo muito bom. Mas tivemos um intervalo também muito bom, ajustamos muitas coisas. A gente tem também que dar o mérito ao Resende pelo bom primeiro tempo - declarou.

O treinador cruz-maltino valorizou o desempenho que o Gigante do Vale teve na partida.

- Às vezes, a gente fala que o Vasco não foi bem, mas a gente precisa dizer também que o adversário foi bem. E o Resende nos surpreendeu no primeiro tempo, com uma marcação alta, bem encaixada, um time que estava propondo o jogo e nos trouxe muita dificuldade - e frisou:

- Devido a essa surpresa de um bom time que apresentou um bom padrão de jogo, a gente só foi consertar e ajeitar no intervalo. A gente pôde internamente, no vestiário, ajustar o que precisava ajustar. Fiquei muito satisfeito com o segundo tempo do Vasco - completou.

Cabo também valorizou o fato de Germán Cano ter se tornado o artilheiro estrangeiro do Vasco no século XXI.

- Fico muito feliz dele atingir essa marca porque é um profissional que vem trabalhando bastante, vem se doando bastante, se preparando muito bem. A nossa proposta de jogo faz a bola chegar muitas vezes para o Cano, e ele tem aproveitado as oportunidades. Hoje ele fez mais dois gols. Isso é muito importante - disse.

O comandante valorizou o espaço dado aos jovens no confronto.

- O Caio entrou e, em 20 minutos, mostrou porque nós o trouxemos da base, colocamos para jogar em um jogo dificílimo e ele nos deu confiança. Fez uma excelente partida. Ressaltar também a estreia do Arthur, a entrada do Riquelme, do João Pedro... É a oportunidade que a gente tem para dar essa sequência ao pessoal da base - declarou.

Lance!
Publicidade
Publicidade