1 evento ao vivo

Mano chega aos 1000 dias no comando do Cruzeiro

Treinador é um dos mais longevo do futebol brasileiro, Mano já comemorou quatro conquistas com a Raposa em duas passagens

22 abr 2019
16h30
  • separator
  • comentários

Mano Menezes continua colecionando marcas importantes no Cruzeiro. O treinador, que está na Raposa desde o dia 26 de julho de 2016, chegou ao dia 1000 no comando do time celeste. É a maior sequência de trabalho de um técnico da Raposa no Século XXI, superando outros técnicos campeões como Marcelo Oliveira, Vanderlei Luxemburgo e Adílson Batista.

Quando voltou ao time, em 2016, Mano estava no futebol chinês, que o tirou justamente da Raposa em 2015 para uma temporada na ásia. O retorno foi rápido e necessário para o time mineiro, que vivia naquele ano de 16 uma situação difícil no Brasileiro, em que lutou a maior parte do tempo contra o rebaixamento. Mano chegou e arrumou a casa, deixando a equipe numa situação mais confortável na tabela.

Mano está no Cruzeiro desde julho de 2016, quando chegou para ajudar a equipe a evitar o rebaixamento no Brasileiro- Bruno Haddad / Cruzeiro
Mano está no Cruzeiro desde julho de 2016, quando chegou para ajudar a equipe a evitar o rebaixamento no Brasileiro- Bruno Haddad / Cruzeiro
Foto: Lance!

Após esse primeiro susto em 2016, a trajetória do treinador no Cruzeiro foi de sucesso. Dois títulos mineiros, 2018 e 2019, duas Copas do Brasil, 2017 e 2018, além de campanhas seguras no Brasileiro, sem sustos para o torcedor.

O gaúcho de Passo do Sobrado, de 56 anos, é o quarto técnico com mais jogos pelo clube mineiro e se continuar firme no cargo poderá subir ainda mais nesse ranking de comandantes estrelados.

Mano Menezes comandou o Cruzeiro em 194 jogos, com 99 vitórias, 54 empates e 41 derrotas, gerando um aproveitamento de 60,3%. Neste período, Foram 278 gols marcados contra 158 sofridos. A 100ª vitória do treinador pode sair nesta terça-feira, 23 de abril, no duelo da Raposa pela Libertadores, contra o Deportivo Lara, na Venezuela, às 17h.

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade