0
Logo do São Paulo
Foto: terra

São Paulo

Lugano recebe ofertas e só esperará o São Paulo até a próxima semana

Zagueiro desperta interesse de equipes de outros países e só vai abrir negociações quando tiver um posicionamento do Tricolor, mas não quer aguardar por mais muito tempo

16 jun 2017
18h47
atualizado às 19h14
  • separator
  • comentários

Diego Lugano tem contrato até o dia 30 e continua dando total prioridade para renovar com o São Paulo. Mas o uruguaio de 36 anos vem recebendo sondagens de equipes estrangeiras e definiu um prazo para esperar um posicionamento do Tricolor: a próxima semana.

A nova postura do zagueiro tem a ver com preocupações familiares. O jogador não aceita atuar em outro time do Brasil, já que é ídolo do São Paulo, e precisa saber se precisa organizar uma mudança de país, com alterações como a busca por escolas para seus filhos, e não quer alongar demais essa espera.

Além disso, o zagueiro definiu que não vai se aposentar e seu empresário tem recebido diversas consultas. Um dos maiores interessados é o Unión Española, do Chile. Mas, a pedido de Lugano, nenhuma negociação será aberta enquanto o São Paulo não se posicionar oficialmente se quer sua permanência ou não.

Em relação às últimas semanas, houve um avanço nas negociações com o São Paulo. Recentemente, o uruguaio se queixou a amigos que não tinha sido procurado pela diretoria. Mas, nos últimos dias, o seu representante tem conversado frequentemente com os dirigentes. Por isso, nenhum dos envolvidos nas tratativas ainda consegue arriscar uma tendência.

O presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, lida com reprovações a Lugano entre dirigentes e seus pares políticos. Ele mesmo disse publicamente que o considera um jogador caro, por pouco entrar em campo. Mas as recentes negociações avançaram até no sentido de redução salarial, já que o zagueiro, a princípio, não se opõe à ideia de receber menos.

Lugano tem a seu favor o fato de ser quase uma unanimidade: torcida, comissão técnica e jogadores querem sua permanência - nesta semana, durante a concentração da delegação em Pernambuco, o goleiro Sidão publicou vídeo com os atletas gritando "Renova, Lugano". Mas a diretoria não está convencida a ficar com ele.

Contra Lugano, está sua pouca participação em campo. Atuou só oito vezes na temporada e Rogério Ceni, embora já tenha manifestado publicamente que quer sua permanência até o fim do ano, também já admitiu que o uruguaio não rende contra atletas velozes e só o vê útil na sobra em um esquema com três zagueiros, função na qual tem preferido Maicon.

Enquanto não se define sobre Lugano, o São Paulo se mexe até para trazer reforços para a zaga: neste fim de semana, deve definir a compra do equatoriano Robert Arboleda por cerca de US$ 2 milhões (aproximadamente R$ 6,5 milhões). Além disso, também está próximo de gastar 2,5 milhões de euros (mais de R$ 9 milhões) no volante Petros e já contratou os atacantes Maicosuel (custou quase R$ 4 milhões) e Denilson neste mês.

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade