0
Logo do São Paulo
Foto: Marcos Bezerra / Futura Press

São Paulo

Jardine avalia ano e promete 'choque' com treinos pesados em 2019

Técnico diz que 2018 foi melhor do que 2017, mas admite que isso 'ainda é pouca coisa'. Ele avisa que treinos intensos vão definir quem está preparado para jogar

2 dez 2018
20h46
  • separator
  • comentários

André Jardine disse depois da derrota por 1 a 0 para a Chapecoense, neste domingo, que vai causar um "choque" no elenco com os treinos pesados que vai aplicar na próxima temporada.

- Eu tenho uma percepção de treinamentos e convicções próprias, com alta intensidade e nível de competitividade enorme em cada trabalho feito, em cada treino realizado, então a partir de 2019 o grupo vai perceber, vai ter um choque. A cobrança vai ser muito forte, a competitividade nos treinos vai ser diária. Quem não estiver preparado não vai jogar - disse o gaúcho de 39 anos, que dirigiu a equipe nas últimas cinco partidas do ano e não conseguiu cumprir a missão de chegar ao G4.- Temos conversado muito internamente sobre os problemas que tivemos durante o ano. Vamos procurar soluções. A dificuldade de fazer gol é um problema, sim. Vou trabalhar muito para o time produzir mais, criar mais e, consequentemente, fazer mais gols. Tenho plena confiança de que, pela metodologia de treinamento pesado que vou implantar, vou conseguir fazer com que o São Paulo seja mais agressivo, mais competitivo, com chances de ser campeão em todas as competições. Todos queremos um São Paulo diferente e lutarei por isso - emendou.

O quinto lugar no Brasileirão é frustrante para quem terminou o primeiro turno na liderança, mas representa um avanço em relação aos dois anos anteriores, quando o Tricolor esteve envolvido na briga contra o rebaixamento. Jardine citou esta evolução, mas admitiu que ainda é pouco.

- Eu e a diretoria não teremos férias praticamente. Vamos ter contato diário, porque todos nós queremos um São Paulo superior ao que foi em 2018, assim como em 2018 já foi superior a 2017. Mas é pouca coisa ainda. A torcida não está satisfeita e nós também não. Vamos trabalhar muito, desde já, para 2019 ser diferente - comentou.

O São Paulo entra em férias agora e retoma os trabalhos em 3 de janeiro, no CT da Barra Funda. No dia seguinte, o elenco viaja para disputar a Florida Cup nos Estados Unidos, onde ficará até o dia 15. Os adversários serão Ajax e Eintracht Frankfurt.

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade