8 eventos ao vivo

CR7 faz mas United bate Juventus; Valencia vence Young Boys

Equipes se enfrentaram pelo Grupo G da Liga dos Campeões

7 nov 2018
17h55
atualizado às 20h28
  • separator
  • comentários

O Manchester United está mais vivo do que nunca! De virada, com dois gols em cinco minutos na reta final da partida, os ingleses venceram a Juventus, em pleno Allianz Stadium, por 2 a 1. Cristiano Ronaldo marcou para o time italiano, Juan Mata e Alex Sandro, contra fizeram os gols do United.

Com o resultado, a Juventus ainda lidera o Grupo H da competição e precisa apenas de um empate com o Young Boys para garantir a classificação para a próxima fase. Já o United precisa vencer o confronto direto com o Valencia para avançar para as oitavas já na próxima rodada.

United comemora resultado positivo fora de casa (Foto: AFP)
United comemora resultado positivo fora de casa (Foto: AFP)
Foto: LANCE!

SEM CRIATIVIDADE

Fora de combate por conta de uma lesão, Lukaku não esteve dentro da área da Juventus na partida desta quarta e fez falta para a criação de oportunidades do United. Nos primeiros minutos, os ingleses tiveram pelo menos três cruzamentos que passaram por toda extensão da grande área e que não tiveram um jogador para completar para o gol.

DOIS MINUTOS INTENSOS

Após os minutos iniciais de equilíbrio, a Juventus tomou conta dos movimentos ofensivos e passou a ser dona da partida. Cuadrado em chute forte, obrigou De Gea a fazer boa defesa. E no lance seguinte, Khedira levou perigo e carimbou o pé da trave em chute rasteiro perto da marca do pênalti.

IGUALDADE AO INTERVALO

Mesmo com a Juventus na pressão, a defesa do United suportou bem as investidas do time bianconero, mas foi praticamente nulo no ataque. A melhor oportunidade veio com Alexis Sanchez, que infiltrou sozinho e não alcançou a bola para marcar para os Diabos Vermelhos.

JUVE PARA NA TRAVE NOVAMENTE

Logo no primeiro lance de perigo da etapa final, a Juventus teve a chance de abrir o placar da partida no Allianz Stadium. Aos 5 minutos, Dybala recebeu na ponta direita, puxou para o meio e acertou lindo chute colocado no travessão de De Gea. O lance inflamou a torcida da Juventus no estádio e animou o time bianconero em busca do gol.

LEI DO EX INFALÍVEL

Cristiano Ronaldo não vinha tendo destaque na partida, até os 20 minutos da etapa final quando fez o que sabe fazer de melhor. Em lançamento perfeito de Bonucci, Cristiano acertou um lindo chute de primeira e marcou um belo gol para colocar a Velha Senhora em vantagem no marcador na Itália.

AO ATAQUE PELA VIRADA

Depois de ficar atrás no placar, José Mourinho resolveu abrir o time e usou suas armas sentadas no banco de reservas para buscar o resultado. Fellaini, Juan Mata e Marcus Rashford entraram em campo e foram decisivos para o final da partida. Em cobrança de falta perfeita aos 41 minutos, Juan Mata empatou o placar. E novamente de bola parada, Juan Mata cruzou na área e após defesa de Szczesny, Alex Sandro empurrou contra a própria rede e virou a partida para o United no último minuto do tempo regulamentar.

Valencia vence e deixa Young Boys em situação delicada

Com muita tranquilidade e com Santi Mina inspirado, o Valencia fez o dever de casa e despachou o Young Boys, no Estádio Mestalla, por 3 a 1, na tarde desta quarta-feira. O atacante espanhol marcou dois gols e Soler completou para os donos da casa. Assalé descontou para os suíços.

O Valencia entrou em campo para continuar na briga pela classificação para a próxima fase e dentro de casa, a obrigação da vitória era o combustível que fez o time empurrar o Young Boys contra sua própria área e ter paciência para achar a brecha para balançar as redes.

Santi Mina foi o craque da partida (Foto: JOSE JORDAN / AFP)
Santi Mina foi o craque da partida (Foto: JOSE JORDAN / AFP)
Foto: LANCE!

A pressão dos donos da casa foi tanta que logo aos 15 minutos, após dominar todas as ações ofensivas até então, Rodrigo fez bela jogada pela ponta direta com direito a uma finta sensacional, e rolou para Soler. O meia espanhol invadiu a área e finalizou na trave, no rebote Santi Mina estufou as redes do Young Boys e abriu o placar no Mestalla.

Após sair em vantagem, o Valencia diminuiu o ritmo e foi surpreendido. Os visitantes descolaram trama ofensiva e em chute cruzado de Assalé empataram a partida aos 37 minutos. Mas cinco minutos após o empate, o Valencia voltou à dianteira do marcador. Soler cruzou de forma perfeita e Santi Mina se esticou todo para tocar para o gol e marcou o gol que levou os espanhóis em vantagem para o vestiário.

O golpe letal nos suíços veio logo aos 11 minutos da etapa final. Em bola esticada por Rodrigo, Carlos Soler partiu em velocidade, invadiu a área e finalizou cruzado para balançar as redes, passar a régua no placar da partida e colocar o Valencia novamente em boa posição para buscar a classificação para a próxima fase nas rodadas restantes da Champions.

Veja também:

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade