0

Galo e Robinho se acertam na Justiça e o clube pagará R$ 4,3 milhões ao jogador em 35 parcelas

O atacante entrou com uma ação na Justiça do Trabalho em dezembro de 2019 e cobrava R$ 4,95 milhões do clube alvinegro

25 jan 2021
18h26
  • separator
  • 0
  • comentários
  • separator

O Atlético-MG e o atacante Robinho confirmaram na Justiça o acordo que fizeram para o jogador encerrar uma ação contra o clube mineiro, movida em dezembro de 2019.

Robinho aceitou receber R$ 4,3 milhões do Galo em 35 vezes-(Foto: Bruno Cantini / Atlético-MG)
Robinho aceitou receber R$ 4,3 milhões do Galo em 35 vezes-(Foto: Bruno Cantini / Atlético-MG)
Foto: Lance!

Robinho cobrava R$ 4,9 milhões do Galo, mas aceitou receber R$ 4,3 milhões em 35 parcelas, encerrando assim a disputa judicial entre as duas partes.

O acordo fechado foi homologado nesta segunda-feira, 25 de janeiro, pelo juiz Luís Henrique Santiago Santos Rangel, da 41ª Vara do Trabalho de Belo Horizonte, em audiência virtual.

-HOMOLOGO o acordo peticionado nos autos, nos termos em que fora convencionado, para que surta seus jurídicos e legais efeitos- diz a ata da audiência.

O Atlético ainda terá de pagar as custas no importe de 2% sobre o valor total da causa, que serão recolhidas 30 dias após o vencimento da última parcela do compromisso assumido entre as partes.

A forma de pagamento será assim: as 10 primeiras parcelas do acordo no valor de R$ 100 mil. As 25 restantes, de R$ 134 mil e mais R$ 250 mil de honorários advocatícios. Os valores começarão a ser quitados a partir de fevereiro.

Robinho jogou pelo o Atlético-MG de fevereiro de 2016 até com até dezembro de 2017 e teve passagem sem grande brilho. Pelo Galo, o atacante fez 36 gols em 109 jogos e venceu o Mineiro de 2017.

Veja também:

Penapolense, Audax, Talleres… Relembre os vexames recentes do São Paulo em memes
Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade