PUBLICIDADE

Fortaleza estuda compra de testes para o novo coronavírus

Clube visa retomada das atividades e deverá testar colaboradores, elenco e comissão técnica

23 abr 2020 12h57
ver comentários
Publicidade

O Fortaleza estuda a compra de testes para o novo coronavírus. A medida visa a retomada das atividades do Tricolor de Aço que estão suspensas desde o dia 17 de março devido à pandemia causada pela COVID-19. A ideia é fazer a testagem no elenco, na comissão técnica e nos demais colaboradores.

Foto: Divulgação/Fortaleza
Foto: Divulgação/Fortaleza
Foto: Lance!

Atualmente, o clube está em fase de cotação dos kits de detecção para poder aprovar a compra que já tem o aval da diretoria. O Fortaleza pretende adquirir o teste do tipo rápido, que identifica a presença de anticorpos IgG e IgM e possibilita a classificação do nível de infecção ou imunização do indivíduo.

O número de testes a serem adquiridos pelo Leão do Pici ainda está sendo definido ao lado do departamento médico que estuda a logística da operação.

O Fortaleza segue tomando medidas em diversos setores para poder minimizar ao máximo os danos causados pela pandemia. O clube irá incluir 170 funcionários na Medida Provisória (MP) 936, que permite um acordo entre empresa e funcionário para readequação do contrato com benefício do Governo Federal.

Sendo assim, uma parte dos salários será pago pelo Fortaleza e outra pelos recursos do governo, garantindo que todos recebam seus vencimentos de maneira integral.

Em março, a Rede de Proteção ao Funcionário (RPF) já havia sido criada pelo Fortaleza e foi essencial para a redução dos vencimentos de diretores e o acordo com o elenco para diminuição dos salários até abril.

Lance!
Publicidade
Publicidade