2 eventos ao vivo

Felipão elogia Borja e deixa recado a Deyverson: 'Se não aprendeu, não volta'

Técnico do Palmeiras gostou muito da atuação da equipe na vitória sobre o Bragantino. Ele saiu em defesa do atacante colombiano e deixou recado para goleador suspenso

11 fev 2019
23h11
atualizado às 23h14
  • separator
  • comentários

Felipão gostou muito da atuação do Palmeiras na vitória de 2 a 0 sobre o Bragantino, nesta segunda, no Pacaembu. Ele fez muitos elogios ao time e saiu em defesa de Borja, que desperdiçou uma grande oportunidade no segundo tempo. O colombiano, no entanto, teve boa movimentação e sofreu um pênalti.

Felipão fez muitos elogios à atuação do Palmeiras
Felipão fez muitos elogios à atuação do Palmeiras
Foto: Bruno Ulivieri/Ofotografico/Lancepress! / Lance!

- Eu acho que hoje foi o primeiro jogo que nós tivemos a identidade do ano passado e uma consistência, tanto defensiva quanto no setor de armação. Acredito que melhoramos bem mais hoje. O segundo gol foi praticamente uma jogada dele (Borja). Uma ou outra bola o Borja não concluiu corretamente, mas durante o jogo se portou muito bem. A atitude do Borja foi muito melhor hoje do que em qualquer outro jogo - disse o técnico.

Os elogios deram lugar a uma bronca quando o assunto foi Deyverson. O atacante foi suspenso por seis jogos pelo Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo (TJD-SP) por ter cuspido em Richard, do Corinthians. Felipão deu um ultimato ao centroavante.

- Se ele aprendeu alguma coisa, volta com o status que eu sempre dei. Se ele não aprendeu, não volta. Não adianta, chega. Se aprendeu, ok. Se dá uma chance, mas tem que ver se aprendeu. Temos setenta jogos no ano ainda, aí não vai dar. Depois vamos esperar as atitudes durante a semana e o mês - disse o treinador alviverde, que não gostou de ser advertido pelo TJD-SP.

- Eu não aceito. Eu não falei mal de ninguém. Aliás, eu elogiei. Mas alguns não entendem como elogio. Quando falaram do Deyverson eu disse que o árbitro estava certo, tinha que expulsar três vezes. Se eu tiver a oportunidade de entrar com outro processo, para que eu seja absolvido, vou entrar. Não mereço ser advertido, de jeito nenhum - comentou.
Ricardo Goulart no Paulista?

Felipão disse que ainda vai pensar sobre o último jogador do Palmeiras que será inscrito no Campeonato Paulista. O treinador não revelou se vai colocar o reforço Ricardo Goulart no torneio.

- Eu estou pensando. Não posso dizer nada para vocês ainda porque muita coisa pode acontecer. Vou esperando. Vou ver a evolução dos jogadores. O Goulart vem trabalhando bem. O Arthur agora está recuperando, para daqui quem sabe uns oito dias começar a treinar normalmente com a equipe. Vamos esperar - despistou.

Elogios a Moisés e Scarpa

O treinador do Palmeiras fez muitos elogios a Scarpa e Moisés. A dupla teve boa movimentação no meio e deu muitas opções ao setor ofensivo.

- Scarpa fez o jogo que queremos do nosso meia. Algumas vezes, no nosso time, não usamos muito nosso meia. É uma herança ainda do ano passado, quando jogávamos quase com três volantes. Então temos que ir acostumando. O Scarpa fez aquilo que o meia tem de fazer, recebendo muitas bolas, participando do jogo, e foi bem. Moisés também está bem. Mas não esqueçam que o Moisés tem três cirurgias, então temos que ir trabalhando com calma. Ele foi importante hoje. Ótimo para mim que tenho esse jogador - analisou.

Solidariedade a vítimas de tragédias

Felipão falou a respeito das mortes dos dez jogadores das categorias de base do Flamengo e também do acidente ocorrido com o jornalista Ricardo Boechat.

- Se eu quisesse escutar coisas em termo de notícias com qualidade, escutava o Boechat. É tão ruim que a gente não se manifeste publicamente de alguém que goste, e depois esse alguém venha a falecer. Hoje eu digo, mas digo para uma pessoa que aqui não está. Parece que me falta alguma coisa - disse o treinador, que deixou uma mensagem aos familiares dos jovens mortos no Ninho do Urubu.

- Eu quero me solidarizar com os país, com os meninos que faleceram. Foi muito triste. A gente nada poder fazer em termo de ajuda. É uma tragédia, mas nós vamos tentar superar - comentou.

Cobranças da torcida após derrota em clássico para o Corinthians

- Fico até surpreso com a cobrança da torcida do Palmeiras. A torcida está cobrando nas redes sociais porque perdemos um jogo. Então, menos. A torcida pode cobrar, mas um pouco menos - disse.

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade