2 eventos ao vivo

Exaltado no retorno ao Morumbi, Reinaldo vira exemplo no São Paulo

Lateral-esquerdo comemora por ter deixado vaias de sua primeira passagem para trás e, agora, motiva Edimar, seu concorrente na lateral, para dar a volta por cima no clube

4 fev 2018
07h35
atualizado às 16h05
  • separator
  • 0
  • comentários

No fim de 2015. Reinaldo parecia com sua carreira no São Paulo encerrada pelas constantes vaias que ouvia. Por conta da situação, passou os dois últimos anos emprestado a Ponte Preta e Chapecoense. Mas o lateral retornou com contrato renovado, aumento de salário e, nesse sábado, em seu primeiro jogo no Morumbi nesta passagem, foi exaltado até quando errou.

Reinaldo foi exaltado pela torcida até quando errou em seu retorno ao Morumbi (Rubens Chiri/saopaulofc.net)
Reinaldo foi exaltado pela torcida até quando errou em seu retorno ao Morumbi (Rubens Chiri/saopaulofc.net)
Foto: Lance!

- É muito emocionante voltar ao Morumbi e sair aplaudido. Tantas vezes fui vaiado, mas isso fica no passado. Quando saí, falei que daria a volta por cima, adquirir experiência para voltar ao São Paulo mais maduro e forte. Foram duas temporadas muito boas e, agora, tenho certeza de que farei um excelente trabalho também no São Paulo. Agora é dar continuidade no trabalho, firme e forte nos treinos e, quando tiver oportunidade, aproveitar de novo - declarou.

Reinaldo fez a jogada do primeiro gol do time sobre o Botafogo de Ribeirão Preto, cruzando para Diego Souza, e o camisa 9 fez questão de comemorar simulando engraxar a chuteira do lateral, que ouviu a torcida gritar mais o seu nome do que o do responsável por balançar as redes. Reinaldo está tão bem cotado que, quando arriscou um lançamento longo que parou nas mãos do goleiro, recebeu aplausos.

- Desde quando me apresentei, em janeiro, o torcedor está me apoiando. Tive a oportunidade contra o São Bento e agora, no Morumbi, de volta, com a torcida gritando o meu nome no final e na hora do gol... Só tenho de agradecer a Deus, aos meus companheiros, ao Dorival e a toda essa torcida maravilhosa - comentou.

Nessa situação, o lateral virou exemplo. Reinaldo ganhou chance no time logo após Edimar sofrer com constantes críticas. Dorival Júnior ainda não definiu o titular da posição, mas Reinaldo deve ganhar sequência e, ao mesmo tempo, trabalha para motivar qualquer colega que vem sofrendo com críticas.

- Converso não só com Edimar, mas com todos que estão no grupo. A torcida, em qualquer lugar, escolhe um e começa a pegar no pé. O Edimar não vinha fazendo partidas ruins, vinha fazendo o trabalho dele. A equipe que não estava bem. Não é só o Edimar. É igual quando eu estava aqui: não era eu - ensinou.

- Sair vaiado ou aplaudido é do futebol. Em time grande, se não for bem, é vaiado. Se eu jogar bem e me dedicar, com raça e vontade, como fiz, com certeza sairei aplaudido em todos os jogos. É desenvolver trabalho, firme e forte, respeitando os companheiros. Estou aqui para ajudar o São Paulo a conquistar títulos - completou.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade