0

Everton volta a treinar e deve reforçar o São Paulo no Choque-Rei

Jogador desfalcou o Tricolor nas duas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro por conta de uma fibrose na coxa esquerda; Nenê e Régis não treinam com o restante do grupo

2 out 2018
17h16
  • separator
  • comentários

Depois de desfalcar o São Paulo nas duas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro por conta de uma fibrose na coxa esquerda, o meia-atacante Everton voltou a treinar com bola no CT da Barra Funda. Na reapresentação do Tricolor após o empate, em 2 a 2, com o Botafogo, no último domingo, o camisa 22 calçou as chuteiras e trabalhou com os demais jogadores do elenco.

Meia-atacante estava trabalhando em tempo integral no Reffis do CT da Barra Funda para tratar de uma fibrose na coxa esquerda (Érico Leonan/saopaulofc.net)
Meia-atacante estava trabalhando em tempo integral no Reffis do CT da Barra Funda para tratar de uma fibrose na coxa esquerda (Érico Leonan/saopaulofc.net)
Foto: Lance!

Pela manhã, Everton fez alguns exercícios no Reffis e foi liberado para treinar no campo. O meia-atacante aqueceu com seus companheiros e participou dos primeiros minutos da atividade com bola. Depois, foi liberado da atividade. A tendência é de que ele esteja à disposição da comissão técnica para o jogo de sábado, contra o Palmeiras, no Morumbi.

Já o meio-campista Nenê, outro protagonista da equipe do técnico Diego Aguirre, foi liberado do treinamento desta terça-feira para tratar de questões pessoais. O lateral Régis, que não foi relacionado para o jogo contra o Botafogo, também não treinou pelo mesmo motivo.

Em campo, o técnico Diego Aguirre comandou uma atividade em campo reduzido apenas com os reservas. Os jogadores que entraram em campo no domingo trabalharam com o preparador físico Pedro Campos e fizeram uma corrida leve. Na sequência, foram para a academia.

No próximo sábado, o São Paulo mede forças com o Palmeiras, no Morumbi, pela 28ª rodada do Brasileirão. Na terceira posição do campeonato, o Tricolor soma 52 pontos, enquanto o Alviverde, que lidera a competição tem 53. O jogo é tratado como decisivo por ambas as equipes.

Lance!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade