2 eventos ao vivo

Everson lamenta ausência de Ferraz em derrota do Santos: 'Nosso capitão'

Lateral-direito teve um resfriado e foi cortado da partida. Goleiro também afirmou que expulsão de Gustavo Henrique não foi crucial para revés no Mineirão contra o Cruzeiro

19 ago 2019
06h02
  • separator
  • 0
  • comentários

O goleiro Everson afirmou que o lateral-direito Victor Ferraz fez falta na derrota do Santos para o Cruzeiro, por 2 a 0, no último domingo, no Mineirão, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. O camisa 22 deixou claro que, além de ser um jogador importante, o atleta é o capitão da equipe.

Everson lamentou a ausência de Victor Ferraz no Santos (Ivan Storti/Santos)
Everson lamentou a ausência de Victor Ferraz no Santos (Ivan Storti/Santos)
Foto: Lance!

O técnico Jorge Sampaoli treinou com Ferraz no time titular durante a semana, mas um resfriado o tirou da partida diante da equipe mineira.

- Todo jogador é importante no nosso elenco. O Ferraz, além de nosso capitão, é um jogador importante. Infelizmente teve uma queda, não estava bem. Teve febre, resfriado, dor de garganta, vimos que estava mal mesmo. Sentimos a falta dele e não conseguimos o resultado - explicou o defensor após a derrota.

A expulsão do zagueiro Gustavo Henrique com três minutos de partida não foi crucial para a derrota do Peixe, segundo Everson. O goleiro explicou que o Santos tinha de ter segurado o empate até o intervalo, fato que não aconteceu. O atacante Fred marcou o primeiro gol do Cruzeiro aos 44 da primeira etapa.- A gente sabe que é difícil jogar com um a menos. Tínhamos de ter tentado segurar o empate até o intervalo, mas infelizmente levamos um gol no fim do primeiro tempo e outro no início do segundo. Isso tirou a nossa força para buscar um resultado melhor - afirmou Everson.

- Fundamental não (expulsão de Gustavo Henrique), a gente sabe que jogar fora é difícil. Segurar a partida com um a menos é complicado, mas a gente tentou segurar da forma que foi possível. Acabamos levando o gol no fim do primeiro tempo, perdeu todo mundo. Mesmo com um a menos dava para buscar o 2 a 1, mas não foi possível - emendou o atleta.

O Santos se reapresenta na manhã desta segunda-feira, no CT do Atlético-MG, iniciando a preparação para o duelo contra o Fortaleza, no próximo domingo, às 16h, na Vila Belmiro, pela 16ª rodada do Brasileiro.

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade