0

Em provável último jogo sem Guarín, Vasco mostra deficiências no meio

Colombiano ainda aguarda ser registrado no BID da CBF, mas já poderá ser inscrito na próxima fase da Copa Sul-Americana e deve estrear na Taça Rio

20 fev 2020
06h34
atualizado às 11h13
  • separator
  • 0
  • comentários

O técnico Abel Braga parecia ter chegado a uma escalação ideal no jogo contra o Oriente Petrolero, pela volta da Copa Sul-Americana. No primeiro tempo, a equipe até funcionou, com boa atuação de Talles Magno e um controle no meio e na defesa. No entanto, a segunda etapa mostrou que ainda faltam ajustes. A boa notícia, porém, é que esta pode ter sido a última partida antes do retorno do colombiano Fredy Guarín.

Guarín já está em preparação para estrear e se apresentou em boa forma física no CT do Almirante. A expectativa é que ele já entre em campo na estreia da Taça Rio, contra o Resende, no próximo dia 29. Na segunda fase da Sul-Americana o colombiano poderá ser inscrito. O Vasco terá direito a três alterações na lista inicial. O volante ainda precisa sair no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF.

Marcos Junior não conseguiu ter boa atuação no meio do Vasco e acabou substituído (Foto: AIZAR RALDES / AFP)
Marcos Junior não conseguiu ter boa atuação no meio do Vasco e acabou substituído (Foto: AIZAR RALDES / AFP)
Foto: Lance!


Mesmo assim, Abel ainda terá que encaixar o que acredita ser melhor para a faixa central. Nesta partida, ele manteve o trio formado por Andrey, Raul e Marcos Júnior. O último, entretanto, teve mais uma atuação ruim. Apesar da velocidade e de se apresentar para as jogadas, são repetidos erros que comprometem o andamento do time. Por isso, Abel apostou na entrada de Bruno Gomes no segundo tempo, principalmente para ajudar a segurar o Petrolero.

Como o meio ainda apresentou dificuldades, a principal saída do Vasco foi pelas laterais. Ofensivamente, especialmente pelo lado esquerdo, com Henrique e Talles Magno. A equipe brasileira teve 53,7% de posse de bola e fez 10 finalizações, sendo cinco no alvo. Andrey foi o que teve melhor atuação, como vem acontecendo com frequência. Bruno Gomes entrou bem e cumpriu o papel, podendo dar dor de cabeça ao treinador na briga para retornar ao time titular.

- No primeiro tempo, cometemos um erro tático muito grande. Nossos jogadores de meio baixou demais a linha, então, empurrou a minha defesa para trás. No segundo tempo, consertamos isso e conseguimos ter uma saída com muito mais qualidade e chegamos ao gol adversário - analisou o técnico Abel Braga em entrevista coletiva após a partida.

O principal problema de Abel Braga atualmente é encontrar o jogador para armar as jogadas do Vasco. Ele espera que Guarín ajude a suprir essa lacuna, principalmente enquanto o clube não encontra o nome ideal no mercado. Andrey, vale lembrar, é segundo volante de origem, apesar de estar atuando como primeiro. O próximo jogo do Cruz-Maltino será apenas no dia 29, na estreia da Taça Rio.

Veja também:

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade