0

Amanda vence Valentina e mantém cinturão do UFC

Brasileira teve trabalho, mas superou rival pela segunda vez na decisão dos juízes

10 set 2017
08h10
atualizado às 09h41
  • separator
  • comentários

A luta principal do UFC 215, ocorrido neste sábado, em Edmonton, Canadá, reservou uma batalha de cinco rounds entre Amanda Nunes e Valentina Shevchenko para os fãs de lutas. E após 25 minutos acirrados de luta, a brasileira manteve o cinturão na decisão dividida dos juízes (47-48, 48-47 e 48-47) e manteve o título peso galo feminino do UFC.

Com um bom rimo de luta, sem deixar o nível de luta diminuir, e alternando o controle da luta com Valentina, Amanda se comportou bem durante cinco rounds e comemorou a vitória mesmo sob vaias do público presente.

Amanda Nunes manteve cinturão no UFC 215
Amanda Nunes manteve cinturão no UFC 215
Foto: Reprodução/UFC / LANCE!


- Como eu disse em todas as minhas entrevistas. Eu sabia tudo o que a Valentina traria hoje a noite. Eu me certifiquei de que estava em forma em todas as áreas. Sabia que ao longo dos rounds ela é quem ficaria cansada. Peço desculpas por não ter lutado aquela última luta, mas precisava lutar 100% para dar um show aos fãs. Tomei muitos antibióticos para estar aqui hoje - declarou a brasileira, que manteve o cinturão pela segunda vez consecutiva, ainda no octógono do duelo.

Shevchenko se mostrou absolutamente insatisfeita com o resultado do combate com Amanda após cinco rounds. Inconformada, Valentina reclamou da decisão dos juízes e pediu uma terceira luta contra Nunes.

- Realmente não entendo o motivo da vitória ter ido para o outro lado. Ela não me acertou direito, nem um soco. Nenhum contundente. Olhe para cara dela. O nariz dela está vermelho. Por que ela ainda é a campeã? Ela não ganhou essa luta. Eu bati forte. Eu definitivamente preciso dessa luta e totalmente discordo dessa decisão - esbravejou Shevchenko, insatisfeita com o resultado.

Confira os resultados do UFC 215
Amanda Nunes venceu Valentina Shevchenko na decisão dos juízes
Rafael dos Anjos finalizou Neil Magny no primeiro round
Henry Cejudo nocauteou Wilson Reis no segundo round
Ilir Latifi venceu Tyson Pedro na decisão dos juízes
Jeremy Stephens venceu Gilbert Melendez na decisão dos juízes
Card preliminar
Ketlen Vieira finalizou Sara McMann no segundo round
Sarah Moras finalizou Ashlee Evans-Smith no primeiro round
Rick Glenn venceu Gavin Tucker na decisão dos juízes
Alex White nocauteou Mitch Clarke no segundo round
Arjan Bhullar venceu Luis Henrique KLB na decisão dos juízes
Kajan Johnson nocauteou Adriano Martins no terceiro round

LANCE!

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade