2 eventos ao vivo

'Ele tem que seguir nesse caminho', diz Aguirre sobre Diego Souza

Treinador do São Paulo elogiou a atuação de seu camisa 9 contra o Atlético-MG; comandante também falou sobre Militão, Cueva, Nenê, Brenner e Rosario Central

5 mai 2018
22h11
  • separator
  • 0
  • comentários

O São Paulo não conseguiu os três pontos na partida contra o Atlético-MG, no Morumbi, mas comemorou uma boa atuação do meia-atacante Diego Souza, que estava encostado no Tricolor e quase foi emprestado para o Vasco há algumas semanas. Logo após o empate, em 2 a 2, com o Galo, o técnico Diego Aguirre falou sobre suas impressões da partida e elogiou o desempenho de seu camisa 9 dentro de campo.

- O mérito é dele. Ele está trabalhando, lutando e mostrando o nível dele. Está assumindo o risco de jogar com a camisa 9 do São Paulo. Tem que seguir nesse caminho. Está bem. Por sorte, está começando a se encaixar e a se sentir importante. Estamos todos contentes com isso - afirmou o comandante uruguaio, elogiando o trabalho de Diego Souza.

O treinador também fez questão de explicar a substituição feita no intervalo. Na ocasião, o comandante sacou o zagueiro Bruno Alves e colocou o meia-atacante Marcos Guilherme. Coincidentemente, após a saída do defensor, o Atlético-MG conseguiu seus dois gols na partida.

- Foi uma situação tática. Estávamos sendo superados pelos lados e tentamos fazer uma mudança para termos o controle. A ideia era ter um jogo de resposta, com a velocidade de Marcos Guilherme. Queríamos o gol para matar o jogo. São situações que sempre fazemos as mudanças buscando o melhor para o time. Tomamos os gols e ficamos um pouco desorientados. Mas fomos buscar e conseguimos o empate. Foi um jogo um pouco estranho, mas com situações de gol - disse Aguirre.

Na próxima quarta (9), às 21h45, o São Paulo recebe o Rosario Central, da Argentina, pelo jogo de volta da primeira fase da Copa Sul-Americana. Na partida de ida, o Tricolor voltou a da Argentina com um empate sem gols na mala de viagem. Qualquer vitória classifica a equipe do técnico Diego Aguirre para a segunda fase. Empate com gols dá a vaga para os hermanos.

Confira outros trechos da entrevista coletiva de Diego Aguirre:

Treinador do São Paulo teve mais um empate no Morumbi (Rubens Chiri/saopaulofc.net)
Treinador do São Paulo teve mais um empate no Morumbi (Rubens Chiri/saopaulofc.net)
Foto: Lance!

Resultado no Morumbi
Foi um jogo que mudou muito. Começamos ganhando, mas quando se enfrentam dois times grandes, com intenção de ganhar pode acontecer um jogo assim. Eles viraram e nós conseguimos reagir. Parecia que conseguiríamos a vitória, mas foi um jogo bom. Tivemos momentos bons e outros não tanto. Queríamos a vitória e temos que continuar trabalhando

Atuação de Cueva
Entrou muito bem. Ele é um jogador de classe e de nível. Nenê é um jogador bom e temos opções. Cueva está trabalhando bem e está perto de viajar para a Copa do Mundo e vamos perdê-lo. Mas está ajudando e fiquei contente com sua atuação. Gostaria que ele continuasse assim.

Sobre o corte de Éder Militão
Ele sentiu um desconforto na hora do aquecimento e eu senti que era muito risco colocá-lo em campo. É um jogador muito importante para o São Paulo, mas a saída de um jogador também dá a possibilidade de entrada de outro. O Anderson estava merecendo e foi bem. Ganhamos um jogador bom.

Situação de Nenê
Temos que esperar para falar sobre o Nenê. Temos três dias para saber quem vai jogar na quarta. Preciso decidir o time, mas temos que colocar em campo jogadores que estão 100%.

Sobre o jogo de quarta, contra o Rosario
Tenho algumas ideias, mas preciso saber a situação dos jogadores. É um jogo decisivo e temos que ganhar. Mas só posso falar melhor amanhã (domingo) ou na segunda sobre isso.

Sobre suposto interesse do São Paulo em Trauco
Não falo de situações possíveis porque se fala muito coisa de nomes e eu não falo sobre isso. O que vai acontecer depois de julho é outra história. Possivelmente, sairão e chegarão jogadores

Sobre Brenner
Não foi uma situação ruim. Entendemos que os jogadores que não jogam precisam estar em campo. Ele foi convocado para a seleção sub-20 e a ideia era ajudar ele. É um menino muito bom, mas que precisa de experiência para mostrar seu futebol. Gosto dele como jogador e no futuro, seguramente, ele terá sua chance"

Lance!
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade